website statistics

Um voo panorâmico sobre a Holanda com o novo Embraer e175+ da KLM

Eu adoro voar, mas sempre acho chato o processo de embarque, de aeroporto. Não para esse voo. Esse voo eu tava achando tudo empolgante e nem sequer havíamos saído do chão.

KLM / Embraer e175+
E aí? Quer uma carona? Sobe aí então e vambora! (Foto: Daniel Duclos)

Nem o tempo chocho, daqueles bem holandês, nem os terríveis atentados de Bruxelas poucos dias antes (a vida tem que continuar), estavam na minha mente ou na dos meus companheiros de voo. A gente queria ver um avião.

KLM / Embraer
Expectativa apesar do tempo holandês! (Foto: Daniel Duclos)

Um avião brasileiro em terras holandesas

Éramos todos convidados da KLM e KLC para estrear o novíssimo Embraer e175+ recém chegado do Brasil num comprido voo cheio de escalas através do Atlântico para entrar em operação na Holanda.

Mas antes de começar a operar nos voos regionais da Europa, fazendo rotas entre Amsterdam e Noruega (Torp Sandefjord, Ålesund e Stavanger), Itália (Turim), Bélgica (Bruxelas, sua linda) e Reino Unido (Manchester), ele iria nos levar para um voo panorâmico e tanto quanto possível rasante sobre a Holanda.

Voo sobre a Holanda de KLM / Embraer
Essa imagem é a Holanda em tamanho real. (Brincadeira, o país é miniatura, mas nem tanto 🙂 ). Tirei essa foto da janelinha do Embraer e175+ da KLM (Foto: Daniel Duclos)

Nós, no caso, era a imprensa (eu! eu!) e frequent flyers selecionados porque a KLM queria fazer um agrado para seus clientes mais fiéis que, somados, tinham mais horas de voo do que alguns pilotos da empresa. Como disse Harm Kreuser, diretor da KLM Holanda, "voar é uma escolha, eles sabem disso e se esforçam para ganhar essa escolha a cada voo".

E eles estavam se esforçando para nos impressionar, com recepção VIP na sala de imprensa da KLM, café da manhã/almoço incluso (na Holanda os dois são meio iguais. Sabe disso, né?) e um lugar exclusivo nesse voo especial da estrela do dia, o Embraer e175+.

Embraer e175+ KLM
Esse cara aqui (Foto: Daniel Duclos)

Um avião moderno para tempos modernos

Bacana demais, né, ver uma empresa brazuca se destacando assim. A Embraer conquistou a KLM com um avião moderno, cheio de comodidades para os passageiros e para a empresa e pilotos.

Pilotos da KLM no Embraer e175+
Bem, eles parecem ter gostado do brinquedo novo... (Foto: Daniel Duclos)

Para a empresa, a manutenção facilitada permite mais horas de serviço e menos horas de manutenção, um cockpit igual ao dos Embraer e190 que a KLM já tem (ou seja, o treinamento dos pilotos para um vale para o outro), e, principal, uma economia média de 18% de combustível em relação ao Fokker 70, modelo que está sendo subsitituído pelos e175+, e que além de mais barato é melhor para o meio ambiente (a KLM tem a meta de reduzir em 20% suas emissões de dióxido de carbono até 2020, e o e175+ vai ajudar nisso).

Cool. E pra gente que voa? Pra gente tem um avião confortável (sem nada embaixo das poltronas, portanto dá pra esticar os pés, além de ter mais espaço para os joelhos o que compensa as poltronas serem um pouco mais estreitas), novinho em folha (já voei em Fokker 70 e, de boa, ele já mostra sua idade) e brazuca (esse é um bônus pra mim ao menos hehe). Saber que polui menos é muito bacana também.

Poltronas do Embraer e175+ da KLM
Poltronas um pouco mais estreitas, mas desimpedidas por baixo (dá para esticar os pés) e com mais espaço pro joelho (Fotos: Daniel Duclos)

Mas por falar em avião novinho, chegou a hora de embarcar...

Cheiro de avião novo

Entrando no avião deu até um impacto: saca cheiro de carro novo? O Embraer e175+ da KLM tinha cheiro de... avião novo! Sério! Delícia!

Sentei na janelinha (lógico), e a poltrona ao meu lado ficou vazia: o e175+ tem 88 lugares (o e190 é um pouco maior, com 100) distribuídos em duas fileiras de duas poltronas cada.

Fileiras duplas no Embraer e175+
Fileiras duplas e o avião só pra nós! Hah! *dancinha* (Foto: Daniel Duclos)

A ideia do voo era ir para o norte da Holanda, passando por Leeuwarden e sobrevoando a base militar que lá tem (se os militares deixassem, obviamente, até o último minuto eles estavam negociando), depois ir para o sulzão, passar sobre o Kinderdijk (patrimônio da humanidade com a maior concentração de moinhos de vento na Holanda), dali dar uma volta sobre o Porto de Rotterdam, subir passando por Haia e pousar de volta em Schiphol. Tudo isso em uma hora.

Hah, as vantagens de morar em um país-miniatura: você circula em uma hora de voo e, se o piloto espirrar, capaz de entrar na Dinamarca, ooopa, Copenhagen, voltando...

Voo panorâmico sobre a Holanda

Enfim, a ideia era boa, mas o clima holandês se manifestou dando aquela dramatizada, vento, chuva, nuvem, o show completo. Como disse o comissário de bordo, "tem que testar esse avião acostumado com céu azul brasileiro no clima do norte da Europa, aqui não tem moleza".

Embraer e175+
Sem problemas (ah, sim: a ponta virada da asa é parte das inovações da Embraer que permitiram maior eficiência no uso do combustível) (Foto: Daniel Duclos)

Em Leeuwarden os milicos autorizaram e passamos rasante sobre a base deles. Vimos pôlderes, muitos pôlderes: são os terrenos que eram fundo de água, seja lago, mar ou pântano, esvaziados e protegidos por diques; bela ilustração de que esse é o País Baixo (o nome certo é plural em português, mas no original holandês é singular, Nederland. Sim, mais uma das pegadinhas batavas).

Leeuwarden
Dar voo rasante sobre uma base militar: check ? (check list da vida) (Foto: Daniel Duclos)

Um dos repórteres suspirava pela janelinha, "foi aqui que eu nasci". Fiquei tocado, quase dei um dos meus stroopwafels para o saudoso neerlandês.

Ah é, ganhei stroopwafels!

Serviço de bordo

Bem, tecnicamente o que ganhei não são stroopwafels (que é o sucesso), mas biscoitos recheados de caramelo da marca Punselie.

Punselie é um sobrenome de uma família que tem, desde 1872, uma fábrica em Gouda, (a cidade que inventou o Stroopwafel) e desenvolveu esse biscoito. Como tudo que Gouda inventou, é uma delícia. E a KLM serve nos seus voos, ou ao menos me garantiram. Se não servirem é porque alguém comeu tudo. Eu, se pudesse.

(Inclusive não tem foto do Punselie porque eu comi. A foto.)

O serviço desse voo veio bem bonitinho, com tudo de verdade - não sei se no voo normal será assim, mas no nosso foi. Torço para a KLM fazer isso nos voos normais também.

sevico_bordo_klm
Serviço de bordo lindo. Agora, desculpa, KLM, a gente é amigo e tudo, então eu posso ser sincero: o café.... bem o café de bordo... não é café, entende? Te falo isso desde 2007... (Foto: Daniel Duclos)

Kinderdijk e Porto de Rotterdam

Chegando no sul da Holanda, o tempo abriu e pudemos ter uma linda vista do Porto de Rotterdam, depis de voar rapidamente sobre Kinderdijk.

O Comissário de bordo estava todo orgulhoso, porque ele é rotterdammer e o porto é orgulho da cidade, sendo o maior da Europa (e até 2004 maior do mundo em tráfego).

Porto de Rotterdam visto do alto
(Foto: Daniel Duclos)

Foi bem impressionante e o Embraer e175+ se exibiu também, voando baixo e fazendo as curvas para todo mundo ver, dos dois lados da aeronave.

Pouso sob céu azul

Espetáculo. Mas era hora de voltar pra casa. Passamos sobre Haia, vimos a costa holandesa e logo pousávamos, com céu azul, de volta em Schiphol. O tempo estava muito mais simpático e pudemos até tirar uma foto oficial do voo inaugural do Embraer e175+ da KLM, o primeiro de 17 que se juntarão à frota até 2018, com a retirada do último Fokker 70 de operação.

Na saída ainda ganhamos de cortesia uma garrafa de vinho e um cartão agradecendo a nossa presença.

Eu que agradeço pela oportunidade única, KLM!

klm_foto_grupo
Foto oficial do evento com todos os participantes. Ache um Ducs no meio 🙂 (Foto: Divulgação KLM)

Apesar de não ser típico de um voo comum de operação, espero ter dado uma ideia da capacidade da nova aquisição da KLM. O Embraer e175+ é um avião pequeno, mas confortável e moderno. Tenho certeza de que vai agradar seus passageiros sempre que decolar.

Os holandeses são bons de tecnologia e o Brasil é um país lindo, mas nesse dia ficou provado que o inverso também é verdadeiro: foi a tecnologia brasileira mostrando a beleza da Holanda.

Bons voos KLM e Embraer!

ceu_azul_klm_embraer
(Foto: Daniel Duclos)

---

O Ducs Amsterdam participou como imprensa, a convite da KLM, do voo inaugural do Embraer e175+ na empresa e todas as despesas do evento, incluindo alimentação e presentes, foram cortesia da KLM. O Ducs Amsterdam, porém, não recebeu remuneração por esse artigo.

O Ducs Amsterdam tem parceria com a KLM para vendas de passagens para todos os destinos cobertos pela empresa. Isso quer dizer que, se você adquirir uma passagem KLM usando link vindo aqui do blog, o Ducs Amsterdam recebe um comissionamento por passagem vendida. Isso gera receita para o blog sem qualquer custo adicional para você. O Ducs Amsterdam só recomenda empresas em que confia e gosta.

Você pode escolher a sua passagem clicando AQUI:

Fontes

  • http://www.routesonline.com/news/29/breaking-news/249815/fuel-burn-reduction-helped-embraer-place-e-jets-at-klm/
  • https://klmtakescare.com/en/content/embraer-175-a-new-step-forward
  • http://www.rtvnh.nl/nieuws/182219/nieuwe-klm-cityhopper-maakt-eerste-vlucht-met-passagiers
  • http://nieuws.klm.com/klm-schaft-17-embraer-vliegtuigen--aan-ter-vervanging-van-de-fokker-70
  • http://news.klm.com/klm-first-european-carrier-to-operate-the-embraer-175-with-enhancements/
  • http://aviationinfo.nl/nl/23-orders-en-leveringen/1806-klm-cityhopper-vervangt-fokker-70-door-embraer-175
  • http://www.embraer.com/pt-BR/ImprensaEventos/Press-releases/noticias/Paginas/Embraer-apresenta-jato-E175-de-serie-com-melhorias-para-reducao-do-consumo-de-combustivel.aspx
  • http://www.luchtvaartnieuws.nl/nieuws/categorie/2/airlines/klm-verwacht-zondagavond-eerste-embraer-175
  • https://en.wikipedia.org/wiki/Leeuwarden_Air_Base
  • https://en.wikipedia.org/wiki/Polder
  • https://pt.wikipedia.org/wiki/Embraer_175