O que comer em Amsterdam: 6 comidas típicas da Holanda

A fama da comida típica da Holanda não é lá essas coisas: dizem que cada vez que alguém usa a expressão "culinária holandesa" um francês morre de desgosto.

Injustiça!

Ou... mais ou menos injustiça. Vou conceder que os pratos típicos holandeses não têm assim, a sofisticação da culinária francesa ou a volúpia da culinária italiana. Concedo.

Mas se você sentar com boa vontade, vai descobrir pratos simples, mas que esquentam a alma em uma noite fria de inverno holandês. E se você ficar para a sobremesa, será recompensando.

Então anote as dicas das seis comidas típicas da Holanda para experimentar se algum dia você se pilhar rolando por aqui nas terras baixas, lar dos  batavos (e desse blogueiro).

1. Sobremesa típica da Holanda: torta de maçã

Comida típica da Holanda: torta de maçã
A típica torta de mação holandesa com seu comparsa café ao fundo (Foto: Carla Duclos)

Quando eu mudei para a Holanda, eu sai perguntando sobre a torta holandesa. Os holandeses ficavam meio confusos, mas logo me serviam um pedação de torta de maçã. Aí quem ficava confuso era eu.

A torta holandesa é na verdade uma invenção brazuca. Por aqui, o que manda é a torta de maçã. Eu vou dizer que eu não saí perdendo na troca.

Ao pedir uma torta de maçã, a grande decisão é se você quer comer com ou sem chantilly. Seja como for, a torta de maçã holandesa cai muito bem com cafézinho (e com a vida).

A Carla, que é colunista de gastronomia aqui no Ducs, deu aqui a dica de conde comer a melhor torta de maçã da Holanda (na Winkel 43, no Jordaan). E de lambuja deu a dica de um passeio muito bacana ali pertinho.

E a torta de maçã na Winkel 43 faz uma participação especial na segunda parte desse vídeo aqui:

(Se você curtiu o vídeo, se inscreve no nosso canal)

Agora, se você não estiver em Amsterdam e estiver passando mal de vontade de experimentar, a Carla deu a receita de como fazer a típica torta de maçã holandesa aqui.

Ah, ops. Eu comecei pela sobremesa? Como isso foi acontecer?... *cara de doce*

2. Lanche típico holandês: Arenque cru (haring)

Lanche típico holandês: o arenque
Esse é o arenque, um lanche tão tipicamente holandês que só falta usar tamanco (mas vem com a bandeirinha da Holanda) (Foto: r.martens/shutterstock.com)

Tão vamo lá, bora pra controvérsia! Arenque cru!

Ah, não faça essa cara antes de experimentar. O peixe, chamado aqui de haring, é curtido na salmoura e tem um sabor forte, característico, que fará você se sentir em um drakkar viking, prestes a pular, machado em punho, por sobre as indômitas ondas do Mar do Norte para pilhar os desavisados em um Fjord!

Se você realmente quiser testar seu relacionamento, peça com típico acompanhamento de cebolas (e em Amsterdam, picles) e diga depois "veeemm caaahhhh amor". Uh, tá, ignore essa última dica.

Existe um jeito realmente típico de comer o haring, que é segurando ele pela cauda acima de sua cabeça, olhar para o alto e devorar por baixo.

O que comer em Amsterdam: Arenque
Putz, acho que matei de desgosto outro francês agora (Foto: MyImages - Micha/Shutterstock.com)

A melhor época para curtir o haring é no verão, como contei aqui.

Enfim, é gostoso, mas reconheço que nem todo mundo tem o espírito aventureiro. Nesse caso, vamos ver o próximo item.

3. Um típico lanche holandês: kibbeling (bacalhau fresco empanado e frito)

Não estou aqui falando do bacalhau salgado e seco que a gente tá acostumado, mas do peixe mesmo, na versão fresca. Os holandeses pegam o bichinho, empanam numa massa com farinha e leite e... adivinha? Fritam a coisa toda em abundante óleo. O nome disso é kibbeling.

Se é gostoso? Cara, peixe frito empanado, não tem como ficar ruim. É a versão holandesa do fish and chips, só que sem o chips. Em vez dele, maionese temperada.

Comida típica holandesa
E se você tiver achando a coisa toda muito saudável, pega uma porção de fritas junto (Foto: CC-BY-ND Gourmandise)

Yeah, a culinária holandesa não é conhecida por ser light. Mas você tá de férias e todo mundo sabe que caloria em férias não conta.

4. Queijos típicos holandeses

A treta com a França continua, mas agora é pelo título de país dos queijos. A Holanda disputa e um dos apelidos (pode soar pejorativo, então cuidado) de holandês aqui é "kaaskop", literalmente cabeça de queijo (no sentido de cabeça redonda, como um pedaço de queijo).

De toda a forma, estou com os holandeses nessa: os queijos típicos holandeses são sensacionais, e quando eu penso que o queijo básico padrão daqui é o Gouda, me dá uma certa alegria.

Queijos típicos holandeses
Eu moro na Holanda e esses queijos também. Não estou em má companhia. (Foto: Carla Duclos)

Você pode provar os queijos típicos holandeses em muitos lugares, inclusive comprando peças em uma feira, como a Albert Cuyp Markt, parte do meu completíssimo roteiro de 3 dias em Amsterdam.

Porém, tem um lugar bem bacana onde você pode aprender sobre a fabricação e degustar o queijo holandês enquanto toma um vinho. Um programa sensacional que a Carla (mencionei que a área dela é gastronomia?) descreve em abundantes detalhes e tentadoras fotos aqui nesse post sensacional.

5. O croquete holandês

O típico croquete holandês
Dizem que tem o sabor da alma holandesa. (Foto: Sophie Lenoir/Shuttrstock.com)

Dizem que a alma holandesa tem gosto de croquete. Os holandeses amam, e quando moram fora, sentem grandes saudades, lamentando que ninguém faz croquete como na terra dos moinhos.

E pensar que é um lanche simples... Basicamente uma massa empanada e frita (noto um padrão de curtir fritura entre os holandeses?), recheada de algo (carne, em geral, mas pode ser de outras coisas também. O de camarão é popular, e tem até versão vegetariana).

Algumas pessoas com maldade no coração insinuam que a quantidade esparsa de carne no recheio se deve a uma tendência holandesa de levar economia extremamente a sério, mas deve ser intriga de algum francês.

O seu kroket pode vir sozinho ou pode vir no pão (caso em quê vira um broodje kroket), mas recomenda-se sempre uma saudável dose de mostarda daquelas ardidas. Acompanhar com uma cerveja é opcional, mas altamente popular.

Coma um (ou vários, eu que não vou te julgar) na Holtkamp, uma patisserie bem tradicional (existe desde 1969). O croquete feito da maneira tradicional de lá é muito popular com os locais (apesar de terem site em inglês, as explicações estão mesmo em holandês aqui).

O endereço: Vijzelstraat 15. Só que fica ligeiro, que fecha aos domingos. Sábado fecha as 17h00. Nos outros dias fecha as 18h00. O horário de abertura é 8h30.

6. Chegou a hora do típico doce holandês: Stroopwafel

O típico stroopwafel hlandês
Rapaz, você vai gostar dessa dica, se prepara (Foto: Eduard Zhukov/Shutterstock.com)

Se eu fechasse essa lista sem citar o Stroopwafel ia ter revolução no Ducs. A essa altura você possivelmente conhece o waffle holandês recheado de um gordolento caramelo-delícia. Se não conhece, cara, essa é a sua chance!

Você pode comprar stroopwafel em supermercados, mas aproveita que você está aqui e vá no supra-citado Albert Cuyp (falei dele na dica dos queijos), e pega um fresquinho feito na hora.

É outro nível!

O Caramelo vem derretendo e escorrendo, melecando sua mão, sua vida e sua alegria. É lindo. (Mas leve lencinhos).

Se resolver comprar o do supermercado também para levar pro Brasil (quem vai te culpar?), experimenta tomar ele do jeito típico holandês.

Passa um café (ou um chá, funciona também mas é menos típico), ponha em uma caneca e tampe com um stroopwafel. Espere uns dois ou três agonizantes minutos, até o caramelo todo derreter e absorver aquele aroma de café.

O que comer em Amsterdam: Stroopwafel
"Hmmm... só mais um" - Famosas últimas palavras (Foto: bonchan/Shutterstock.com)

Repita até acabar e você ficar triste de tanto comer, com aquela vontadezinha de voltar para Amsterdam, que continua aqui te esperando.

Dica extra de onde comer comida típica holandesa

O artigo acabou, mas tem uma dica extra. Aqui eu falei mais de lanches e doces, não de pratos propriamente ditos. Se você quiser experimentar um prato da culinária típica holandesa, vá no restaurante Moeders. Eu dei a dica completa dele, incluindo endereço e como reservar aqui no meu artigo sobre restaurantes em Amsterdam. Corre lá!

 

 

Ingressos pra atrações em Amsterdam

Um jeito bacana de retribuir o Ducs e ainda se dar bem é comprar ingressos online comigo. Assim você evita ficar tomando vento em fila quando você devia estar passeando… e me dá uma força preciosa!

Dá uma olhada na página de ingressos do Ducs Amsterdam

Booking.com

Reserva um hotel bacana aqui em Amsterdam!

Eu escrevi um artigo com muitas onde ficar em Amsterdam.

E se você fizer sua reserva através dos links do Booking aqui no Ducs, eles repassam uma comissão pra gente (ao mesmo tempo que você paga menos pelo hotel).

Então é uma forma de apoiar o Ducs em Amsterdam e ainda descolar um lugar legal, ter suporte em português e pagar menos! :) Todo mundo ganha!

Booking.com

20 comentários em “O que comer em Amsterdam: 6 comidas típicas da Holanda”

  1. Oi boa tarde! Gostaria de saber o valor do ônibus de turismo pra um dia e gostaria de saber tb passeio de um dia pra Bruges. Agradeço retorno . Rita melo

    Responder
  2. Muito bem elaborado e com ótima orientação dos lugares interessantes para que se possa conhecer.Parabéns por passar esses dados sobre esse país maravilhoso.

    Responder
  3. Daniel, antes de mais nada, parabéns pelo blog. Quanto à visita à casa da Anne Frank até que eu tenho uma certa curiosidade; vi o filme, li o diário e também um outro livro escrito por aquela senhora que ajudou muito a família durante o período no esconderijo. Tudo muito triste e pesado, a visita seria um acréscimo ; melhor evitar.

    Responder
  4. Oi pessoal! Várias dicas ótimas! Reserva no Moeders, ok! Torta de maçã e arenque na lista...
    Eu queria saber se no caso dos queijos e outras comidinhas, pode trazer para o Brasil na mala? Abraços e continuem com dicas!

    Responder
  5. Stroopwafel s2! Sempre que encontro aqui no Brasil eu compro! Acredita que estive agora em Abril em Amsterdam e esqueci de comprar o original? hahahaah (droga)

    Responder
  6. Ahhhhh finalmente achei um post em que posso comentar!!!!
    Finalmente vou conhecer Amsterdam em meados de agosto e quando comprei a passagem (estou estudando inglês na Inglaterra e achei uma promoção hehe) a primeira coisa que lembrei foi do blog de vocês. Enchendo meu roteirinho no word com as dicas de vocês. Obrigada!

    Responder
  7. Oi! Estou chegando dia 15/02 em Amsterdam. Tenho 60 anos e meu filho 29. Na minha idade consigo comprar os bilhetes com desconto?

    Responder
  8. Não tive coragem de comer arenque hahahaha
    A torta de maçã adorei! Comi na Winkel 43 conforme indicação DUC. O Stroopwafel comi quentinho na feira, mas também comprei no mercado um pacotão. O queijo comemos tanto em amsterdam, como em Gouda fomos passar um dia na cidade (por sinal, que cidade lindinha!) e la comemos queijo até sair pelas orelhas hahahaha.
    Não comemos bacalhau, nem croquete nem arenque =/ Quem sabe em uma proxima visita 😀

    Responder
  9. Adoro o seus comentários... suas dicas... tenho os seus e-mails todos arquivados em pasta especial. Se não consigo ler na hora em que recebo , arquivo e depois leio com calma... Adoro seus comentários em tom pessoal.. e tenho impressão de que conheço a sua família toda. Um dia irei `a Holanda e usarei suas dicas. Agradeço muito o tempo em que leio e "vivo" seus dizeres.

    Responder
    • Uau, Lina!

      Agradecemos imensamente o carinho! Ficamos até lisonjeados com tanto apreço!!! Super, mas super agradecemos por compartilhar seus sentimentos com a gente!

      Um caloroso abraço diretamente da fria Amsterdam

      Responder

Deixe um comentário

Notifique-me de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.