4 Dicas pra ajudar na adaptação a um novo país

Algumas pessoas me pedem dicas sobre adaptação em um novo país. Eu sei o quão duro podem ser esses primeiros meses, e tenho algumas dicas.

familia_holanda

1. Ache outros loucos que nem você

Ser cortado do círculo social que você tinha no Brasil é um impacto, e sem círculo social fica difícil se adaptar. Na vida, não só num país novo.

Bora fazer outro. No começo a tentação é achar outros brazucas desambientados. Resista a tentação. Com isso não quero dizer "não tenha amigos brasileiros" (certamente eu tenho aqui). O que quero dizer é "não tenha exclusivamente amigos brasileiros".

A ideia é descobrir a cultura local, e descobrir gente de todo o mundo, e essa é uma das grandes vantagens de se morar fora. Não transforme em uma desvantagem.

Ok, mas como?

Uai, você curte algo em particular, certo? Jogar Magic? Pular de paraquedas? Cinema não-holliwoodiano? Qualquer coisa que você curta, certamente tem gente no seu novo país que curte também. Ache essas pessoas. Elas se reúnem na internet, sim, mas também fisicamente, e ao menos UMA coisa em comum pra iniciar a conversa vocês vão ter.

Ahhh, mas e se você não fala a língua do local ainda ou não fala inglês? Excelente. Porque a próxima dica é...

2. Faça um curso da língua do país

Língua é a chave de uma cultura, e mesmo que você já fale a língua local sempre dá pra melhorar.

Um curso de língua vai te dar duas vantagens: um, vai melhorar sua vida ao te dar maior compreensão do que está rolando além do seu nariz e no seu novo país, e dois, vai te dar um senso de propósito, um norte, o que é essencial pra todos e ainda mais importante pra quem está vindo acompanhar alguém que já veio com emprego, que sai de manhã e te deixa em casa olhando a parede e dizendo "catzo, e agora?"

Ah, e três (sou ruim de conta), ainda pode ajudar com o círculo social. Muita cerveja tomei depois da aula com meus colegas de holandês. Nossa fluência melhorava com cada copo, quase desistimos do curso pra ir só pro pub.

Fluentes
Fluentes e adaptados

Brincadeira. (Mais ou menos. Pelo menos resultou em um artigo sobre pubs em Amsterdam. E um sobre aprender holandês, com dicas).

Aqui na Holanda tem um lance legal: um serviço de voluntários pra falar holandês contigo. Eles paream estrangeiros perdidos com pessoas que têm tempo e disposição e paciência pra falar com estranhos que mutilam a melíflua língua batava.

Eu participei na época em que morei em Haia, e foi bem legal, eu aprendi bastante e não só de língua, mas da cultura e da vida em geral. Procure a...

Gilde Samenspraak
http://www.gilde-samenspraak.nl/

3. Leia as notícias locais na língua local

Verdade que os holandeses falam inglês com você (às vezes até demais), mas a vida aqui é em holandês, e um monte de coisas está rolando na língua local e nunca chega a ser anunciada em inglês.

Por isso, é essencial você ler as notícias na língua do país (no caso, holandês).

É um jeito de você se integrar sobre o que está ocupando a mente dos seus novos companheiros de país, de pegar as pontas da cultura "Sinterklaas vai visitar a cidade amanhã? E quem é Sinterklaas?"

E assim você vai aprendendo mais e mais sobre seu novo país. Além disso, você fica sabendo de coisas legais que vão rolar, o que é essencial, porque a próxima dica é...

4. Saia de casa!

Ficar enfurnado dentro de casa é receita pra desastre. Sério, é pedir pra se deprimir. Vá respirar um ar. Mesmo que você não saiba pra onde ir. Vá andar.

Além de arejar a cabeça, você vai aprender muito, vai descobrir lugares legais, um café massa escondido, vai ver um cartaz pra um evento legal que vai rolar, tipo um festival de cinema alternativo ao ar livre, vai tropeçar numa unidade da biblioteca municipal, vai ver esculturas de cachorros gigantes no meio da rua...

6217566564_0c62ce923e

O mundo não vai vir até a sua porta e você sabe disso. O passo mais difícil você deu, vencendo a inércia e incontáveis quilômetros. Só faltam poucos metros até a sua porta pra aventura realmente começar. Respire fundo, gire a maçaneta e...

Vá explorar!

Ingressos pra atrações em Amsterdam

Um jeito bacana de retribuir o Ducs e ainda se dar bem é comprar ingressos online comigo. Assim você evita ficar tomando vento em fila quando você devia estar passeando… e me dá uma força preciosa!

Dá uma olhada na página de ingressos do Ducs Amsterdam

Booking.com

Reserva um hotel bacana aqui em Amsterdam!

Eu escrevi um artigo com muitas onde ficar em Amsterdam.

E se você fizer sua reserva através dos links do Booking aqui no Ducs, eles repassam uma comissão pra gente (ao mesmo tempo que você paga menos pelo hotel).

Então é uma forma de apoiar o Ducs em Amsterdam e ainda descolar um lugar legal, ter suporte em português e pagar menos! :) Todo mundo ganha!

Booking.com

5 comentários em “4 Dicas pra ajudar na adaptação a um novo país”

  1. Oi, será que você pode me ajudar?
    Meu filho está de férias em Amsterdã e pegou uma gripe.É possível comprar anti-inflamatório ou antitermico com facilidade em farmácias por aí?

    Responder
  2. Olá Daniel!

    Você e sua família, de alguma maneira já estão fazendo parte da minha e da que meu noivo estamos começando. Pretendemos ir para aí em breve.
    Seu jeito de escrever, descontraído e bem-humorado, já nos rendeu boas risadas, tirando a tensão que este momento de planejamento de mudanças causa.
    Outro dia meu noivo comentou: se encontrasse o Daniel em Amsterdã eu o cumprimentaria. Sorri, porque faria o mesmo! (KKK)
    Enfim, sua experiência esclarece, ensina, encoraja. Sei que não foi fácil, como já comentou, a adaptação é diária, mas acredite, há muitas pessoas torcendo por vocês.
    Um forte abraço,

    Responder

Deixe um comentário

Notifique-me de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.