Tradição na Holanda: Sinterklaas, o “Papai Noel” holandês

Hoje é 5 de dezembro, e é a noite mais esperada na Holanda pelas crianças. O ponto alto de uma conspiração tamanho-país que dura semanas, hoje a noite finalmente Sinterklaas, o bom velhinho vestido de vermelho, irá visitar as criancinhas bem-comportadas para deixar um presente.

Não. Não o Papai Noel. O outro bom velhinho de longas barbas brancas. Aquele que mora na Espanha o ano todo e vem pra Holanda lá por novembro.

Espera, o quê?! Então, a história é assim...

Sinterklaas
Papai Noel? Não conheço... (Foto: CC-BY Marc van Woudenberg)

A tradição de Sinterklaas na Holanda

Bem, deixa eu te apresentar ao Sint. Ele é um velhinho bondoso, muito magro, que usa vestes de um bispo. Amigo das criancinhas, Sint (como é carinhosamente chamado aqui na Holanda) deixa um presente na noite de seu aniversário... huh... "aniversário", dia 5 de dezembro para aquelas que se comportaram bem.

Isso até o século XIX. Lá em 1850 o escritor holandês Jan Schenkman publicou um livro que revolucionaria a lenda do Sint. Foi Schenkman quem adicionou o cavalinho branco chamado Amerigo que Sint cavalga pela Holanda afora levando presentes. Foi Schenkman quem criou a história de que Sint vive na Espanha o ano todo, mas vem para a Holanda de barco a vapor.

(Uh, barco a vapor era a mais alta tecnologia de viagem em 1850).

E foi Schenkman quem criou o mais controverso aspecto da lenda, o ajudante de Sint, Zwarte Piet. Cara... se você mora na Holanda, você certamente ouviu falar da treta do Zwarte Piet (ou Pedro o Negro). Eu dediquei um artigo todo pra essa questão do Zwarte Piet, então não vou entrar no mérito agora.

Essa é a versão moderna do Zwarte Piet, o ajudante do Sinterklaas (Foto: Geert Snoeijer, divulgação Sint in Amsterdam)

Enfim, a história é essa: Lá por novembro (dá uma lida aqui), Sint e os Pieten (porque a essa altura tem diversos Piet, cada um com sua especialidade), chegam na Holanda de navio a vapor e passam um tempo andando pelas casas para ver quais criancinhas foram boazinhas e quais não foram, até a grande noite. Mas pera... a coisa toda é muito mais elaborada...

A Holanda leva o Sinterklaas muito a sério, e a festa envolve o país todo!

Essa é outra diferença do Sint e do Papai Noel... além de cavalinhos, ajudantes que levantam questões sobre racismo, divergências sobre preferir praia ou neve e do IMC dos dois. Uh, deu pra notar que tem mais diferença do que semelhança, até me perdi.

Note o chapéu. O Sinterklaas é menos conhecido, usa chapéu... nossa acabei de perceber que o Sint é na real uma versão hipster do Papai Noel! (Foto: Adobe Stock Photo)

Ah sim. Seguinte: os adultos até se fantasiam de Papai Noel, mas a história do Sint mobiliza a Holanda toda. A chegada no porto do navio é um evento nacional, que atrai multidões e é televisionado ao vivo. Uh, sim, eles arrumam um barco a vapor, um ator para ser o Sint oficial, cavalinho branco pra ser o Amerigo e um pequeno exército de atores, malabaristas, mágicos e afins para serem os Pieten. É tipo. algo monumental.

Mas antes disso, a jornada do Sint e sua trupe da Espanha até a Holanda não é simples. Ah, não mesmo. É uma saga, cada ano diferente, narrada em tempo real para as crianças da Holanda em um telejornal criado somente para contar o que está acontecendo pras crianças.

De todas as formas, quando Sint  chega em Amsterdam e faz seu desfile, está aberta oficialmente a temporada dos sapatinhos e o país está em plena febre de Sint & Piet.

A tradição dos sapatinhos na festa de Sinterklaas na Holanda

Já que Sint está passeando pela Holanda, as crianças podem deixar seus sapatinhos durante a noite. Se tiver chaminé, é na frente da chaminé, se não tiver, pode ser na frente do aquecedor (viu como dá pra modernizar o mito?), e se quiser, pode deixar uma cenourinha pro Amerigo (o cavalinho do Sint, lembra?)

Daí no dia seguinte elas acham uma lembrancinha, caso tenham se comportado bem e o Sint ou o Piet passaram por ali.

(Nem toda a noite eles passam).

A lembrancinha é isso mesmo, nada elaborada: uma moeda de chocolate, uma letra de chocolate (geralmente a inicial do seu nome, e fica tranquilo, eles fazem todas as letras com o mesmo peso, então a Isabel não precisa ficar com ciúme do seu irmão Willem). Pode ser também uma cartela de adesivos ou... pepernoten. Ah, sim, o pepernoten...

Na época de Sinterklaas, a Holanda toda come muito pepernoten, o biscoitinho de especiarias

(Foto: Adobe Stock Photo)

Pepernoten é um biscoite bem seco, com sabor de especiarias e inundam a Holanda no fim do ano. Eles são amplamente distribuídos pelos Pieten, que colocam nos sapatinhos das crianças, dão de presente nas escolas, jogam para o ar tirando de sacos, caso em que você pode dizer que literalmente está chovendo pepernoten (eu levei uns dois na cabeça hoje).

Mas claro, não é só o Piet a origem do pepernoten. Eles estão em todos os supermercados, em versão tradicional, coberto de chocolate, enfim. O fim do ano cheira a pepernoten na Holanda. E é um cheiro bom!

Nunca sentiu? Ficou com vontade? Tem a receita do pepernoten no Entre Panelas, faz e me conta o que achou!

(Crunch, crunch, onde eu tava mesmo?)

(Contando dos sapatinhos. E não fala de boca cheia)

(ffft-Desculpaaaahhhh-fttt).

Finalmente chegou a Noite dos Presentes na Holanda (Pakjesavond, 5 de dezembro)

Sinterklaas
(Ilustração: Adobe Stock)

A essa altura as crianças acompanharam a jornada de barco a vapor, viram o desfile, ganharam presentinho, receberam Pietendiploma (diploma por elas terem completado as tarefas acrobáticas ensinadas pelos Pieten) e comeram pepernoten suficiente para encher uns dois sacos de Papai Noel. A expectativa é alta!

E finalmente é 5 de dezembro! Chegou a Pakjesavond, a noite dos presentes!

De manhã a entrada das escolas estão cheias dos alunos esperando a vinda de Sint... e ele vem, ele vem, para delírio dos pequenos. E pros mais velhos? Pra eles rola na escola rola a Surpresa de Sint, uma espécie de amigo secreto artesanal.

A Surpresa de Sint (e possível mico na escola)

A surpresa de Sint é um jeito que os mais velhos, adultos inclusive, usam para trocar presentes na Pakjesavond. Você faz um poema e dá um presente que lembra a pessoa, uma característica dela ou algo assim. Os adultos frequentemente usam isso de modo satírico. Mas a Surpresa de Sint acontece nas escolas também, com as crianças mais velhas, que a essa altura já não acreditam mais no Sint literalmente, participando com um projeto artesanal para trocar no 5 de dezembro.

O projeto tem que ter alguma coisa a ver com a criança que vai receber, e deve ser feito pelo coleguinha. Em teoria. Essa é a pegadinha: os presentes são muito, mas muito, mas MUITO bem feitos. Não é projetinho cola qualquer coisa na véspera não. O nível de exigência é bem alta, a ponto de os pais entrarem na dança, digo, no artesanato.

E dentro da surpresa vai, escondido em algum lugar, um presente. Em geral a escola estipula um valor pra esse presente. A coisa toda é bem elaborada. Não vou jurar que é assim em toda escola, mas é em muitas (inclusive na dos meus filhos), então... se seu filho está nas séries mais avançadas da Basisschool (escola básica, tá bem explicado aqui), se prepare pro dia 5 de dezembro!

Uma tradição unindo famílias e um país

Mas enfim, depois de a saguizagem sair da escola (muitos mais cedo, como a minha filha hoje) e ir para casa, é finalmente hora de celebrar juntos em família. E isso é uma das coisas que eu mais curto na tradição do Sint:

É uma fantasia compartilhada por todos, mudando e se transformando ao longo da vida holandesa, da magia dos sapatinhos preenchidos, aos amigos secretos com poeminhas para tirar sarro dos seus amigos de faculdade, dos pais envolvidos na construção do mito, ao governo que ajuda a organizar a festa, o Sint acaba unindo não só as famílias, mas a Holanda.

Bom Sinterklaas para todos!

Fontes

 

Ingressos pra atrações em Amsterdam

Um jeito bacana de retribuir o Ducs e ainda se dar bem é comprar ingressos online comigo. Assim você evita ficar tomando vento em fila quando você devia estar passeando… e me dá uma força preciosa!

Dá uma olhada na página de ingressos do Ducs Amsterdam

Booking.com

Reserva um hotel bacana aqui em Amsterdam!

Eu escrevi um artigo com muitas onde ficar em Amsterdam.

E se você fizer sua reserva através dos links do Booking aqui no Ducs, eles repassam uma comissão pra gente (ao mesmo tempo que você paga menos pelo hotel).

Então é uma forma de apoiar o Ducs em Amsterdam e ainda descolar um lugar legal, ter suporte em português e pagar menos! :) Todo mundo ganha!

Booking.com

3 comentários em “Tradição na Holanda: Sinterklaas, o “Papai Noel” holandês”

  1. Oi, Daniel.

    Estou eu aqui fuxicando as lindas histórias do seu blog... Eu amei essa (muito, muito). Só fiquei com uma curiosidade.... e alguns dias depois, no Natal, o Papai Noel também vem?

    Responder

Deixe um comentário

Notifique-me de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.