Guia do erotismo em Amsterdam: (quase) tudo o que você tinha vergonha de perguntar

[Daniel aqui]: Oi pessoal! Enquanto estou de “licença paternidade”, tive a sorte de contar com a ajuda dos amigos pra manter o blog atualizado.

Agora é a vez da Ana, do Greetings from Holland, dar uma força e desbravar o lado sexy e erótico de Amsterdam — e ela fez isso muito bem, com estilo e humor em um guia completo sobre o assunto. Com vocês, a Amsterdam sexy contada pela Anita.

Quando eu estava discutindo uma pauta de assuntos para colaborar aqui no blog do Daniel eu mencionei que podíamos falar sobre um aspecto muito badalado (e muitas vezes mal colocado – epa! Sem duplo sentido) de Amsterdam e da Holanda em geral: o erotismo e a indústria do sexo.

O Daniel topou na hora e depositou (opa! Quero dizer: “transferiu”...) a tarefa nas minhas mãos. Vamos lá então, sem preconceito! Aviso que não sou sexóloga nem psicóloga. Mas (comigo tem sempre um “mas”) moro na Holanda há bastante tempo e tenho espírito de detetive.

Sexy Amsterdam - moça de vestido vermelho na bike
Você está me ouvindo, Neo... ou está olhando pra moça de vestido vermelho? (Foto: iStockfoto.com)

A prostituição é legal na Holanda?

Por a Holanda ser um delta, a vila medieval de Amsterdam rapidamente tornou-se  um centro de comércio naval e, mais tarde, porto. Historicamente sempre recebeu viajantes, comerciantes, piratas e mulheres traficadas de terras distantes. Não poderia dar em outra mesmo: bordéis e casas de prostituição se espalharam pela cidade ao longo dos séculos...

Os holandeses, muito práticos, de olho nos lucros e sempre interessados em regulamentar tudo, legalizaram a prostituição. As profissionais do sexo são registradas, pagam impostos e se organizam. Esse é um lado positivo, que ninguém pode negar.

O lado ruim e trágico da profissão sempre irá continuar: permanece o tráfico e a submissão forçada de muitas meninas (e outras nem tão jovens assim). Difícil separar o joio do trigo. E o que você leitor tem a ver com isso? Me pergunta vai, me pergunta!

Eu não irei entrar no mérito moral da questão mas queria informar o seguinte:

  • Muitas ruas da zona vermelha (Red Light District) de cada cidade holandesa são filmadas por câmeras nem sempre aparentes;
  • No interior das cabines há câmeras e as meninas são monitoradas para a própria segurança;
  • Não fotografe nem filme nenhuma das meninas, é expressamente proibido;
  • Se você perceber que a garota tem marcas de surras, manchas roxas, caia fora e procure outra. Ela muito provavelmente está ali a força e apanha do cafetão (que também a rouba) com regularidade. Lembre-se: a prostituição por livre vontade é legalizada, mas traficar uma mulher não!

Apagando as luzes do Red Light

Felizmente pra uns, infelizmente pra outros, o Red Light District anda sofrendo uma redução do numero de cabines de prostitutas. Muitos dos donos de prédios que alugam as cabines para as moças estavam em situação irregular com a prefeitura ou atuavam com cafetões disfarçados (e dizem algumas más línguas que também faziam a lavagem de dinheiro).

Por isso muitos prédios estão cedendo lugar a lojas e butiques de moda de griffes internacionais, atraindo um tipo de turista mais endinheirado e menos armador de confusão (esse último  quer combinar um finde cheio de alucinógenos, bebida, mulher, fumo, vômitos, porrada e gritaria — deixa pouco dinheiro e má fama na cidade e a prefeitura quer se livrar dele) .

Red Light Amsterdam
Apagar tudo? Hm, talvez demore um pouco... (Foto por Wee Sen Goh, CC BY-NC 2.0)

O Red Light District é uma das Top 5 atrações de Amsterdam!

Saunas

Não confunda: há saunas e saunas. Saunas para gays. Saunas como eufemismo para prostituição. E  saunas mistas onde homens e mulheres (e adolescentes) passam algumas horas completamente nus para relaxar – principalmente no inverno. Esse tipo de sauna não tem nada, nada a ver com um ambiente erótico.

Para as mais pudicas há “ladies night” onde só garotas freqüentam – geralmente estrangeiras não tão acostumadas com o habito de se misturarem com homens pelados. Recomendinho!

Veja um artigo inteiramente dedicado às saunas na Holanda que nada tem a ver com ambiente erótico!

Vibradores, consolos e afins

Quando eu buscava revistas com um holandês descomplicado e ágil nos meus primeiros anos aqui, eu sempre dava preferência à VIVA, que é uma revista holandesa para garotas no final da adolescência e inicio da idade adulta. Moda, decoração, entrevistas com famosos, resenhas de livros e filmes, depoimentos trágicos de leitoras... até aí morreu o Neves, tudo normal.

Mas a revista vive promovendo assinatura com o envio de um brinde. O item mais famoso, caso você assine a revista por, digamos, um ano, é o “Tarzan”.

Nada mais que um vibrador assustador, que promete o céu e mais além. Segundo estimativas que eu li na revista anos atrás, uma em cada cinco holandesas possui um Tarzan em casa.

Gente! Isso é o que eu chamo de sucesso absoluto de vendas, um fenômeno!  E como publicitária eu não conseguiria imaginar no Brasil uma revista Capricho (ainda existe ? Eu lia...) com uma chamada de página inteira no estilo: assine a revista e esse “Tarzan / boto cor de rosa / mico leão dourado / tamanduá bandeira" pode ser todinho seu!

Na Holanda, vibradores também já são vendidos na drogaria Etos (perto das camisinhas) e na Mediamarkt. Eu acho um avanço e amadurecimento tanto do público quanto da parte dos comerciantes. O que você acha? Quero saber sua opinião!

Lojas eróticas em Amsterdam

Para arrematar, se você estiver turistando ou acabou de chegar para uma temporada na Holanda e quer ampliar seu horizontes em termos de acessórios eróticos eu recomendo:

Christine Le Duc: a padaria das sex shops

Possui 33 filiais em toda a Holanda, sempre em endereços nobres, em boulevares de compra e bem identificáveis. Não tem essa de vitrine totalmente coberta e discreta não!

Vende desde lingerie e brinquedinhos até camisinhas, DVDs e produtos de beleza. Meninas, as lingeries são lindas e únicas. Rapazes, não tenham vergonha de entrar lá e explorar tudo, não é uma loja só de mulherzinha não!

Os produtos têm saída rápida, mais rápida que pãozinho francês na hora da fornada.

Sitehttp://www.christineleduc.nl/
Endereço: Oude Doelenstraat 10 e também na Spui 6

Mail & Female: sex & love liberator

“Mais de dois mil produtos testados e de confiança” diz o slogan. A loja também é “male friendly” mas inicialmente vendia por ordem postal e apenas para mulheres (daí o trocadilho com “mail/male” no nome).

Inicialmente as donas da loja queriam desenvolver uma sexshop voltada para o público feminino, portanto nada de bonecas infláveis e consolos grosseiros. Os artigos deveriam associar sexo à liberdade, amor e bem-estar, tudo sob uma ótica bem feminina. No lugar de nylon e borracha, seda. As donas dão preferência a DVDs de filmes eróticos dirigidos por diretoras e já trabalharam com a desenhista de lingerie Marlies Dekkers.

O público da Mail & Female caracteriza-se por “ser exigente com o bom-gosto e qualidade de produtos eróticos, ser sensível e discreto, e se encontra em uma relação estável ou e passa por um período importante da própria sexualidade”.

Sitehttp://www.mailfemale.com/
Endereço:  Nieuwe Vijzelstraat 2

Marlies Dekkers

A marca registrada do seu estilo são os sutiãs com varias alcinhas, que devem ser revelados num bom decote. O estilo tem algo de esportivo e inovador.

Favorita absoluta de atrizes e famosas holandesas, a loja de Amsterdam tem como tema “A Bela Adormecida” e se encontra na Berenstraat 18, no coração da famosa área  “9 streets”.

Todas as lojas da Marlies Dekkers tem lareira. Luxo e fantasia... mimata!

Sitehttp://www.marliesdekkers.nl/
Endereço: Cornelis Schuytstraat 13

Bijenkorf

A seção de lingerie na filial de Amsterdam tem de tudo do fino do finório, mas é beeem cara. Minfarta! As griffes mais chiques do planeta, com  inspiração bem parisiense: muita calcinha e sutiã de renda nas cores preta e vermelha, oh-la-la!

Há também cafonices: enchimentos de silicone para o sutiã, adesivos para colar decotes na pele e evitar olhares indiscretos, cintas-ligas duvidosas. Midepila!

Site: http://www.debijenkorf.nl/
Endereço: Dam 1

Hunkemoller

Mais convencional, vende de tudo: pijama, biquínis, cangas, calcinhas. Não é necessariamente erótica. Dependendo da filial há também pecas intimas bem sexy — depende também da estação do ano/coleção. Em Amsterdam há uma na Kalverstraat. Os strings e  saídas de praia transparentes são lindos, sempre levo amigas de visita a Holanda lá.

E tem mais a ver com meu orçamento, sem me deixar no “mistressa total”, hehehe...

Sitehttp://www.hunkemoller.nl/
Endereço: Kalverstraat 162, ou também na Ferdinand Bolstraat 12

Condomerie

Atrás da Bijenkorf de Amsterdam, uma grande seleção de camisinhas e lubrificantes. Algumas das camisinhas são pintadas a mão e outras embrulhadas como um pirulito.

Muitos turistas visitam a loja para dar uma fuçadinha e matar a curiosidade sem comprar nada — como um museu.

Mas a partir da rua já vi famílias espanholas e italianas inteiras entrarem (tio, tia, sobrinho, avô, avó...) que nem estouro da manada e ficarem doidos e ficar numa risadarada nervosa e querer levar tudo. Se for o seu caso, amigo(a), então vá fundo! Só não pode fotografar o exterior nem o interior da loja.

Sitehttp://www.condomerie.com/
Endereço: Warmoesstraat 141

Curioso? Normal? Chocante? Diga o que acha!

Bom, para finalizar queria dizer que cada pais tem seu erotismo próprio.

Por exemplo: é comum no verão da Holanda ver mulheres de todas as idades e corpos fazendo topless, sem que isso seja uma afronta para ninguém. É claaaro que eu não cobri tudo em relação a sexo e erotismo na Holanda. Há muito mais o que falar, mas ai eu teria que ter permissão do Daniel para um outro post. Eu precisaria também da opinião de vocês a respeito desse post para ter um feedback. E de perguntas, para que eu possa fazer mais uma pesquisa. Quer saber algo? Manda bala que eu respondo!

Ingressos pra atrações em Amsterdam

Um jeito bacana de retribuir o Ducs e ainda se dar bem é comprar ingressos online comigo. Assim você evita ficar tomando vento em fila quando você devia estar passeando… e me dá uma força preciosa!

Dá uma olhada na página de ingressos do Ducs Amsterdam

Reserva um hotel bacana aqui em Amsterdam!

Booking.com

Eu escrevi um artigo com muitas onde ficar em Amsterdam.

E se você fizer sua reserva através dos links do Booking aqui no Ducs, eles repassam uma comissão pra gente (ao mesmo tempo que você paga menos pelo hotel).

Então é uma forma de apoiar o Ducs em Amsterdam e ainda descolar um lugar legal, ter suporte em português e pagar menos! :) Todo mundo ganha!

Booking.com

11 comentários em “Guia do erotismo em Amsterdam: (quase) tudo o que você tinha vergonha de perguntar”

    • Oi Mary,

      Infelizmente não vou poder te ajudar porque de verdade (e infelizmente) nunca tive a oportunidade de visitar uma casa assim. Mas acho que quando estiverem em Amsterdam vale sim perguntar no hotel se eles te indicam algo... mas aí por conta e risco de vcs.

      Responder
  1. Eu queria saber onde posso comprar alguma coisa para a minha mulher ter vontade sexual e para mim queria alguma coisa para aumentar o pénis e duracão no acto sexual se me poder responder agradeço
    Só o problema é que não falo nem inglês nem holandês

    Responder
    • Olha, no Red Light District há vários sex shops. Basta entrar em um deles e dizer o que deseja. Mesmo sem falar inglês ou holandês, com certeza irão te ajudar!

      abraços,

      Responder
  2. Adorei o post! Este blog realmente é sensacional! Boas dicas para planejar a viagem em um texto claro e gostoso de ler.

    Parabéns!!

    Responder
  3. Olá
    Gostaria de saber se é verdade que existem cinemas onde pode-se assistir um filme erótico e é permitido fazer sexo?

    Responder
  4. Oi! Vi que esse post é meio antigo então talvez agora, como a passagem do tempo, você possa ter alguma sugestão para me dar. Vou à Amsterdam em abril próximo para uma despedida de solteirAs e gostaríamos de saber se existe algo como um "Blue Light District" ou algum lugar tipo "Clube das Mulheres" onde a gente possa se divertir ( sem sexo, efetivamente, que fique claro ) em segurança. Obrigada!

    Responder

Deixe um comentário

Notifique-me de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.