O melhor guia online sobre Amsterdam, em português” – Estadão

Onde comer barato em Amsterdam?

por Daniel Duclos em 01/02/2010

Aqui no Ducs já tem uma artigo indicando restaurantes bons em Amsterdam. Mas se você vai sentar na mesinha, olhar menu, falar com garçom, não é difícil morrer com €30,00 o casal numa média – e isso é um bom preço (mais fácil ainda é marchar com €50,00 num jantar pra dois). Mas tem algumas dicas pra comer barato em Amsterdam.

Fast food

Se você quer gastar por volta de €5,00 há algumas opções bem fáceis de achar espalhadas pela cidade:

Fast food americana

Vamos logo tirar o óbvio do caminho e falar das mega redes americanas de tranqueiras industrializadas. Sim, tem Mac Donald's, KFC, Burger King e a patota toda do lanche na linha de montagem. Escolha uma delas que estiver mais à mão, siga o mesmo procedimento que se segue no mundo todo (batatinha acompanha, sundae para sobremesa, etc.) e descole uma refeição com troco pra uma nota de €10,00. Não é original, não é saudável, e tem a tremenda desvantagem de disparar discursos engajados sobre a tristeza da Mãe Gaia daquele seu tio hippie de rabinho de cavalo, ou sobre a crueza desalmada da ditadura capitalista corporativa do seu primo anarco-socio-revolts. Mas se o critério é preço, enfim, preço eles têm. Eu, particularmente, considero o Mac Donald's e sua onipresença de extrema importância: é o meu banheiro público de escolha quando tô turistando.

Febo - De lekkerste!

Debo De lekkerste

Achr um Febo não é difícil, fique atento pro logo. Tá por toda parte.

As famosas comidas da parede! Se o seu negócio é tranqueiras por pouco preço, o Febo é uma alternativa local. Funciona assim o esquema: na loja tem uma parede cheia de forninhos com uma fenda (slot) pra colocar moedinhas de euro. Cada forninho contém uma tranqueira gordurosa. Você escolhe a sua, funfa as moedinhas, abre o forninho e sai a andar e mastigar por Amsterdam feito um local voltando da balada. Como o Febo resolveu que funcionários no balcão são luxos desnecessários e reservados pros americanos esbanjadores do Mac Donald's, você consegue comer bem barato e em horas em que as leis trabalhistas holandesas tornariam proibitivamente caro manter as portas abertas (alguns Febos têm um balcão com funcionários que servem batata frita e outros lanches que não vão bem com forninhos).

Se você só tiver notas, em geral tem uma maquininha que come a nota e cospe o equivalente em moedas: fique esperto, os forninhos não dão troco.

Comendo da parede

Se você notou uma semelhança entre comida nas janelinhas e as garotas das vitrines no Red Light District (uma das top atrações de Amsterdam), não é apenas produto de sua mente suja e fabricadora de duplos sentidos sacaninhas. Realmente a lenda diz que os criadores se inspiraram ao ver as meninas nas janelas pra montar o esquema dos forninhos, que rapidamente virou uma coisa característica da Holanda. Há muitas versões e concorrentes (como a Smullers), mas a original é o Febo, de lekkerste! (Isso quer dizer "o mais gostoso!" Aliás, quando um grupo de holandeses vai marcar um ponto de encontro pra dali sair, o Febo é sempre uma boa opção, porque tem em toda parte. Mas justamente porque tem tantos, um sempre pergunta: "Mas qual Febo?" ao quê outro sempre responde: "De lekkerste!")

Minha opinião pessoal é que se você vai comer tranqueiras gordurentas feitas em massa pra pagar barato, ao menos inclua ao mesmo tempo uma atração local. Divirta-se explorando as diversas opções tipicamente holandesas de infartos no forninho.

Hema

O Hema é uma loja de departamentos holandesa, daquelas que vende de tudo, de pneu de bicicleta a calcinhas, de chave de fenda a pasta de dente. E comida. Tem uns pacotes de pão bem baratos (50, 60 centavos), que combinados com um pacote de queijo dão uma sustança econômica. Mas eles tem sanduíches prontos também, e sopa de ervilhas (um prato típico holandês, heh. Segundo os holandeses, claro). A rookworst (lingüiça defumada) deles é reputada como a melhor da holanda. Uma rookworst no pão sai por volta de dois euros. Quer impressionar um holandês com sua noção e bom gosto? Conte pra ele que comeu um "broodje rookworst" e, quando ele perguntar, mal humorado, "mas onde?", responda sem pestanejar e um tico indignado por tão óbvia pergunta: "ora, no Hema, é claro!"

Vá lá: tem um Hema na Reguliersbreestraat 20

Maoz

Você sabe o que é falafel? É uma comida de origem egípcia, feita de uma pasta de grão de bico agrupada em bolinhos, que são fritos. O Maoz é uma rede especializada em falafel. Quer dizer, lá vende mais coisas, assim como o Mac vende mais do que hambúrgueres, mas falafel é o carro chefe. Você pede um falafel e vem três bolinhos num pãozão. Daí você pode preencher os vazios do seu sanduba com um buffet de salada à vontade. Não sai caro e dá pra empilhar bastante salada no sanduba. E você até pode dizer depois que comeu salada na sua viagem, nem foi só tranqueira. Não elabore nos detalhes.

Na primeira vez que entramos numa dessas, não sabíamos o que era Maoz – nem muito menos falafel. O tio que estava atendendo e fritando as bolotas ficou pressionando a Carla pra fazer um pedido. Ela, enquanto olhava o cardápio na parede, candidamente perguntou:

- O que é um falafel?

Agora você imagina alguém parar na fila do Mac e perguntar o que é um hambúrguer. O tiozinho ficou extremamente indignado e entrou numa erupção: U DO NOU UAT IS A FALAFEL?! FALAFEL IS FALAFEL, U WANT FALAFEL? FALAFEL IS A FALAFEL! FALAAAAFEL! FALAFEL!

A Carla se decidiu, diplomaticamente, por um falafel.

Supermercado

O onipresente e inescapável Albert Heijn (AH) sempre tem uma seção com lanches e sandubas prontos. Tem também umas saladas prontas bem grandes (e gostosas até) que não saem caro. Mas se quiser ir pro modo economy extreme, nada fica mais barato do que comprar o pão, comprar o queijo e montar seu próprio sanduba. Ah, e o AH To Go (carinhosamente apelidada de tôgo, ou torro pelos locais), a versão express do Albert Heijn, é mais focada em lanche mas em geral é um pouco mais cara. Pouco. Ainda compensa dar uma busca por uns sandubas por lá.

Um tico mais caro: La Place

O La Place é uma franquia de restaurantes self-service. É obviamente um pouco mais caro do que fast food (uma refeição com bebida vai sair uns €10,00), mas você consegue comer comida quente e até saudável por bem menos do que um restaurante. E tem muita opção, desde lanche (sanduba) até refeição completa, tem suco, tem café, torta, tem pizza, peixe, saladas bem boas, muita coisa é feita na hora, na sua frente. Eu acho que é um dos melhores custos-benefícios, comida boa versus preço, e pode ser uma boa pra ir um dia, variar do fast food.

V & D La Place Rokin / kalverstraat

O endereço deste La Place é Rokin 162.

Coisas pra comer na Holanda

Eu fiz uma lista das top 5 coisas pra se comer na Holanda. Mais do que aonde comer, lá eu falei do quê comer, pra poder voltar daqui dizendo que você experimentou algo diferente do bom e velho hambúrguer, mas tem também umas dicas de lanches baratos. Vai lá!

E, claro, deixem suas dicas aí embaixo também, nos comentários.

Daniel Duclos (Daniduc), é um brazuca que mora na Holanda com a esposa, também brasileira, desde novembro de 2007. Criou o Ducs Amsterdam, o qual escreve, fotografa e edita. Em 2011 lançou um guia de Amsterdam e virou pai de uma linda garotinha, com quem redescobre o mundo todos os dias.


Procurando hotel pra sua viagem?

Eu escrevi um artigo com muitas Dicas de hospedagem.

Se você fizer sua reserva através dos links aqui no Ducs, eles repassam uma comissão pra gente. Então é uma forma de apoiar o Ducs em Amsterdam e ainda descolar um lugar legal, ter suporte em português! :) Todo mundo ganha!

Ah... e o Booking lista hotéis no mundo todo! Não precisa ser só em Amsterdam!

Ingressos pra atrações em Amsterdam

Outro jeito bacana de retribuir o Ducs e ainda se dar bem é comprar ingressos online comigo. Assim você evita ficar tomando vento em fila quando você devia estar passeando e dá uma força preciosa.

Dá uma olhada na página de ingressos do Ducs Amsterdam!

Ah, e se você está querendo comprar passagens aéreas, o Ducs Amsterdam tem uma parceria com a KLM: Clique aqui!

Pessoal, o Ducs só existe com a força de vocês! Então, divulguem, comentem, usem os serviços que o Ducs oferece e vamos que vamos! Obrigado sempre!

Algo a dizer? Manda bala! :)

(Ah, você tem uma dúvida? Leia antes a FAQ. É sério! A maioria das respostas tá lá...)

Outra coisa que é importante é habilitar receber notifcações de novos comentários por email, porque tem um monte de gente que faz uma pergunta em um post aleatório e depois esquece onde fez a pergunta, nunca vê a resposta e acha que não foi respondido, quando na verdade a pessoa é que esqueceu onde que foi... com o aviso por email isso não acontece.

Você leu a Política de Comentários aqui no Ducs?

Comentários escritos TODO EM CAIXA ALTA não serão aprovados.

Dê lá o seu recado!

Notifique-me de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.

{ 94 comentários… leia abaixo ou deixe um }

Helio junho 17, 2014 às 17:58

Olá, tudo certo?

Parabéns pelo Blog!

Agora quando ficar sabendo de alguém que vai para Amsterdan direi “Não esquece de dar uma passadinha no Blog Ducs Amsterdam, do Daniel, lá tem coisas que é bom saber!”

Obrigado pelas dicas!

Responder

Daniel Duclos junho 19, 2014 às 12:11

Foi um prazer Helio – e brigado pela força˜! Grande abraço

Responder

carlos augusto maio 1, 2014 às 00:59

boa noite cara,
chegarei aí em 08 de maio e estou adorando o bom gosto do blog, gostaria se possível da sua ajuda, nesses passeios que possa fazer, pretendo fazer o maior número possível, ficarei ai até dia 13.05 e vou a Oslo e volto dia 17.05 e ficarei aí até dia 21.05
Uma coisinha a mais, vi que sua mulher escreve sobre gastronomia, que bom eu tb adoro até fiz gastronomia por hobby.
muito obrigado,

Carlos Augusto

Responder

Liliane abril 25, 2014 às 22:01

Daniel,

Primeiro gostaria de te agradecer pelo site, ele tem me ajudado muito na programação da minha viagem!!!!
E já abusando… gosto muito de artesanato, principalmente com tecidos, lã e linhas. Vc conhece alguma loja que vende estes artigos aí em Amsterdam?

Agradeço antecipadamente

Liliane

Responder

Daniel Duclos abril 26, 2014 às 00:26

Nào conheço Liliane

Responder

Joana abril 11, 2014 às 01:53

Olá Daniel
Estou chegando em Amsterdan no domingo com meu marido e dois filhos. Já comprei ingresso com vc para o museu Van Gogh. Quero comprar para Anne Frank com horário marcado, mas não aparece a hora para ir, quero comprar o combo com passeio de barco à noite.
Também queria comprar a ida e volta , mais ingressos para o parque das tulipas saindo de Amsterdam direto, sem precisar ir até o aeroporto. Só que não diz aonde sai, nem o horário.
Aguardo retorno

Responder

Fernanda dezembro 3, 2013 às 02:15

Daniel, ótimas dicas, como sempre! Comer barato na Holanda não é fácil mesmo – barato e bem, quase impossível!
Quando morei lá, sentia muita falta de comer comida “de verdade” (ou seja, que não fossem sanduíches), e minhas opções boas e baratas preferidas pra isso eram o Eazie (wok), onde nunca gastei mais de 8 ou 9 euros por uma porção bem generosa e o Vapiano, que em Haia e Amsterdam é super bem localizado, embora meio demorado às vezes pra quem tem pressa.
Abraço!

Responder

Juliana Caldas outubro 28, 2013 às 19:41

Que legal sua página! Estou indo a Amsterdam pela primeira vez em dezembro, super ansiosa!! Acho que minha preocupação maior é com o transporte.. de me perder! rs!! Reservei o hotel van gogh atras do museu… estou lendo e imprimindo as páginas que acho uteis por aqui! :D

Responder

Daniel Duclos outubro 28, 2013 às 22:45

Valeu Juliana

Boa viagem

Responder

Luana outubro 21, 2013 às 23:28

Olá, estou adorando seu site! Vou viajar com meu marido e meu filho de 3 anos em março, e gostaria de saber se alguns desses locais que você indicou tem comidas que uma criança brasileira gosta de comer….

Achei esses restaurantes mas também não sei se são adequados…

http://www.rodizio.nl/price.html
http://www.finalmentebrasil.nl/bebidas
http://dobrasil.nl/braz-nl.htm

Obrigada desde já!

Responder

Daniel Duclos outubro 28, 2013 às 21:51

Luana, essas comidas certamente agradam crianças de todas as nacionalidades, qual não gosta de lanche? Agora,d e restaurantes, depende da criança. Desses, que você citou eu sei que a Rodízio é churrasco, a Finalmente Brasil é um mercadinho e não restaurante e nunca fui ao Do Brasil.

Responder

Irlã Andrade outubro 2, 2013 às 13:23

Olá, Daniel.
Tudo bem com você?
Tenho uma perguntinha.
A partir da localidade (Beethovenstraat 43, 1077 HN), que pontos turísticos de Amsterdam você recomenda que a gente comece visitando? Nas ruas de Amsterdam existem sanitários públicos para mulheres?

Responder

Daniel Duclos outubro 10, 2013 às 15:40

Oi Irlã. O Vondelpark e a praça dos museus são os mais perto. Não existe sanitários públicos pra mulheres nas ruas.

Responder

Gloria setembro 28, 2013 às 15:08

Oi Daniel ,
Quero registrar uma observação:
Comprei ingressos aqui no site, mas achei q o de Anne Frank nao valeu a pena.
O ônibus q leva p o passeio sai distante do hotel. Achei mais interessante comprar o ticket do ônibus tur vermelho q me deixou na porta. Também com a data e horário marcados, em meio a tantas visitas e mudanças de momento, ficou inviável.
Por isso perdi o ingresso, pois decidi ir pela manhã (o ingresso q comprei era a tarde) e eles não aceitaram.
Comprei na hora por 9 euros (bem mais barato) e a fila era grande, mas anda rápido e foi tranquilo.
Isso ñ é uma reclamação e sim uma tentativa de colaboração.
Um abraço

Responder

Daniel Duclos setembro 30, 2013 às 20:34

Gloria, antes de prosseguir quero esclarecer um ponto: de forma alguma sua experiência de a fila da Anne Frank andar rápido é típica.

Pessoal, quem ler isso, ATENÇÃO, isso é importante: as filas da Anne Frank podem demorar até mais de duas horas nos horários de pico. Não é porque uma pessoa deu sorte e teve uma experiência rápida que isso seja comum! E quero deixar claro que digo isso sem nenhum interesse em vender ingressos: eu recomendo que compre o ingresso antecipado online diretamente na Anne Frank (o qual *não* me dá comissão e nem ganho nada, pois na Ticketbar está disponível somente o combo com o ônibus. Repito: se não tiverem interesse no combo com o ônibus e quiserem ir apenas à Anne Frank *comprem o ingresso online antes diretamente na Anne Frank (não aqui no Ducs)pois as filas podem ser monstruosas*.

Gloria é preciso ter cuidado com esse tipo de comentário pois pode levar as pessoas a passarem bastante tempo presas em fila. Quanto a sua opinião sobre o passeio com o ônibus, está registrada, embora eu tenha também recebido elogias – cada um tem a sua experiência.

Responder

Irlã Andrade setembro 27, 2013 às 16:06

Olá, Daniel! Tudo bem?
Eu e minha esposa viajaremos para Amsterdam.
Por isso, pretendemos saber onde poderemos comer barato em estabelecimentos próximos ao hotel Hampshire Beethoven, que fica na Beethovenstraat 43, 1077 HN?

Parabéns pelo site.
Aguardo uma resposta.
Abraço

Responder

Daniel Duclos setembro 30, 2013 às 20:22

Irlã Não tenho nenhuma recomendação específica pra esse local. Abs

Responder

Irlã Andrade setembro 30, 2013 às 21:50

Ok, Daniel.
Tenho só outra perguntinha.
A partir dessa localidade (Beethovenstraat 43, 1077 HN), que pontos turísticos de Amsterdam você recomenda que a gente comece visitando? Ou seja, quais os pontos turísticos mais próximos desse local para a gente iniciar as visitas?

Responder

Diana setembro 23, 2013 às 01:56

Adorei todos os artigos que li até agora: diretos, informativos, esclarecedores e muito divertidos.
Obrigada!

Responder

Daniel Duclos setembro 23, 2013 às 12:49

Obrigado Diana!

Responder

Fernanda setembro 4, 2013 às 21:11

Olá, primeiramente gostaria de elogiar o blog, é sensacional!
Fui a Amsterdã mês passado e adorei a HEMA! Meu achado lá foram lentes de contato para miopia por 5 euros! claro que não são as melhores, mas em uma situação de emergência foram realmente muito úteis! Ganhei meu dia quando as encontrei, por acaso, tinha perdido as minhas lentes e estava de óculos, foram minha salvação! :)

Mais uma vez, parabéns pelo trabalho do blog!

Responder

Daniel Duclos setembro 9, 2013 às 01:26

Que elgal Fernanda. Obrigado e abraço

Responder

Roberto agosto 31, 2013 às 21:54

Boa tarde vc realmente ajuda muito. Eu estou querendo morar na Holanda, tenho renda própria, três filhos universitários. Como conseguir morar na Holanda? e moradia? Eu já estive na Holanda em 2012 gostei muito.

Responder

Daniel Duclos setembro 4, 2013 às 00:46

Para morar na Holanda você precisa ser cidadão holandês, ou de outro país membro da UE, ou ter visto de longa duração. Por política Não respondo perguntas sobre visto, então não tenho como informar como obter visto de longa duração. Por favor, consulte o consulado holandês mais próximo de você.

Responder

Silvio Alencar agosto 16, 2013 às 18:44

O Falafl é o mais em conta. É um prato vegetariano digno e dependendo de quem faça, duas pessoas pedindo um prato de €8,- saciam totalmente.

Responder

Mariana março 28, 2013 às 23:10

Daniel, quando fui a Paris e Barcelona vi em vários lugares “pratos do dia” (ou algo do tipo como nosso bom e velho PF brazuca)em alguns restaurantes onde os caras quase te arrastam pra dentro… Achei razoável e um preço até acessível. Tem alguma coisa parecida em Amsterdan?!
Valeu!

Responder

Daniel Duclos abril 3, 2013 às 02:20

Tem, especialmente na área central, embora eu ache armadilhoso. Mas tem.

Responder

gilmar março 28, 2013 às 22:49

olá daniel
valeu pelas dicas comi muito bem, desde de comida japonesa a comida indiana. Gostei muito do falafel e comi em diversos lugares, mas o MAOZ é campeão devido aos seu toppings. Alias, comi comida brasileira, também rsrsrs. Segui sua dica do booking.com e fiquei no hotel luxer creio que vc ganhará uma comissão. Amanhã irei embora,mas com o desejo de voltar em breve.

Responder

Rachel março 25, 2013 às 16:46

Me ajudou muito suas dicas Ducs agora sei onde comer rsrsrs, estou indo pra Holanda em Abril com o meu namorado de férias, e lugares para comprar lembrancinhas tem bastante? e é barato??

Obrigada..

Responder

Daniel Duclos abril 3, 2013 às 02:03

Tem de monte, Rachel, mas barato, assim, eu nunca achei… podem me chamar de pão duro, hehe (execto em cartão postal, ai gasto sem dó! :))

Responder

Sander março 3, 2013 às 15:43

Oi Daniel,

Você saberia dizer se esse restaurante La Place está em muitos lugares ? Pesquisei no google, mas não deu para se ter uma noção. Ele teria um concorrente que serve o mesmo tipo de comida e em self service ?

Responder

Tamires Romano fevereiro 26, 2013 às 03:40

Oi DaniDuc! :D
Me divirto muuuuito com os posts, sempre rio alto e a pessoa do lado fica me olhando estranho.. hehe
Só preciso de mais uma coisa pra concluir a planilha de possíveis despesas: quanto custa a passagem de metrô aí?
Obrigada pela ajuda mesmo que virtual e distante, mas muito eficaz! (:

Responder

neusa setembro 23, 2012 às 05:07

Olá!! Seu blog é mto boom!!! Tem excelentes dicas prá quem quer conhecer um pouco este país !!Quem visitar o sul da Holanda experimente saborear o famoso FRICANDEL(assim se fala) acompanhado de fritas e maionese, só não queira saber da composicão!!! talvez o DUCS possa informar corretamente, OK?
Abracos, Neusa.

Responder

Daniel Duclos setembro 23, 2012 às 11:45

Frikandel é uma salsicha de carne moida, frita em imersão. A origemd a carne, bem, aí já não sou tão curioso :P

Responder

Monica setembro 19, 2012 às 14:32

Ola, adorei teu blog e estou estudando tudo aqui,rsss.
Estou indo no comeco do ano que vem.
Obrigada pelas dicas.

Monica

Responder

Daniel Duclos setembro 20, 2012 às 23:11

Oi Monica, graag gedaan :)

Responder

mm julho 19, 2012 às 16:06

Vou viajar e acho as dicas ótimas. Depois conto como foi.

Responder

Daniel Duclos julho 24, 2012 às 20:37

Valeu mm

Responder

Isa maio 30, 2012 às 04:23

Seu blog é excelente! Tem tudo o que eu precisava saber sobre Amsterdam!
Sem falar que me divirto muito lendo! Parabéns e sucesso!

Responder

Cristiano Ribeiro maio 14, 2012 às 22:21

Muito boa as dicas, além de comentários bem divertidos.
Estou chegando em Amsterdam dia 13/06/2012, minha primeira vez na Europa. Já imprimi vários comentários que serão muito úteis no período que ficarei por lá.

Abraço a todos.

Cristiano

Responder

Márcio abril 6, 2012 às 14:04

Ah, descobri outro nome para o “Geiten Spek”. É “Arretjes Cake”.
Agora achei a receita.
Abraços

Responder

Renata abril 6, 2012 às 00:54

Como eu não poderia deixar de comentar, ADOREI O CROQUETE DO FEBO!!! Todos os dias, em determinada hora, eu perguntava para o Cássio: “que horas são”, e ele respondia, sei lá, “duas horas”; e eu: “nossa, duas horas?? hora do croquete!!!” hahaha!!! Tudo bem que isso me custou 2 kg a mais… mas tudo bem, eu estava de férias! Agora é correr atrás do prejuízo!

Responder

Marcio março 30, 2012 às 01:13

Alles goed?
Parabéns pelo blog. Olha, minha esposa e eu estivemos em Amsterdam no ano passaod. Nos hospedamos no NH Amsterdam na Leidseplein, um lugar movimentadíssimo, perto do Vondelpark, Rijksmuseum, Heineken, Museu Van Gogh etc. Encontramos alguns restaurantes italianos com massas por EU 5.00/pessoa. Ótima comida. Tem que pesquisar bastante. Outras vezes, íamos ao Albert Heijn e comprávamos pão, sopa, saladas, sanduíches e até torta de maçã (em pacote, tipo de biscoito), mas com gosto de torta caseira. Uma delícia. O Burger King também era mais barato que no Brasil, mas é junk food, né? Não dá para comer todos os dias.
Ah, aproveitando. Você não teria a receita do Geiten Spek para me enviar? Agradeço muito. Groetjes.

Responder

Daniel Duclos abril 2, 2012 às 23:38

Oi Marcio, legal, excelentes dicas! :) Uai, Geiten Spek não é “bacon de cabra”? Me parece que é algo que você não faz em casa… mas possoo estar enganado. Abs

Responder

Márcio abril 3, 2012 às 02:30

Oi Daniel. Então, o Geiten Spek parece um pavê de bolachas (é, traduzido é um “toucinho de cabra”. Me parece que é feito com biscoitos quebrados e um creme, tipo brigadeiro, bem mole, com chocolate em pó e gordura vegetal, mas acho que vão mais coisas. No final, fica parecendo um pé-de-moleque de bolacha, meio duro. Muuiiiiito bom! Lekker! Se eu encontrar…te mando. Abraços

Responder

Enaldo Soares dezembro 29, 2011 às 15:51

Pelo visto, com exceção do transporte, Amsterdã é uns vinto por cento mais barata do que Paris.

Responder

Viktoriya Kaliushko dezembro 3, 2011 às 21:42

Olá!
Tenho viagem marcada para o dia 03 de Fevereiro, pelo que já estou a planear as visitas a cidade. Obrigada pelas dicas:) Gostava de saber se é fácil de chegar do aeroporto a centro da cidade???Obrigada

Responder

Daniel Duclos dezembro 3, 2011 às 23:42
Victor novembro 20, 2011 às 00:52

Por favor, vou para Amsterdã e gostaria de saber onde é o local, o nome da rua, da primeira foto, em que mostra várias placas de restaurantes, etc. Obrigado.

Responder

Daniel Duclos novembro 20, 2011 às 02:34

O nome da rua é Nieuwendijk

Responder

Rodrigo A outubro 13, 2011 às 22:07

De fastfood americano tem também o Subway, que não sei se acho pior que o Brasil ou se criei abuso de comer demais, tentando evitar o pão com mesmice no escritório.

Outras opções boas e baratas que recomendo são o B&B Lunchroom (http://www.onzecatering.nl/), especialmente o Steak and Cheese e o Chicken Avocado. Para os vegetarianos, o Mozarella Pesto é uma ótima pedida. Tem o WoktoWalk (http://www.woktowalk.lt/), prático e rápido, com os seus vários genéricos, WoktoHome, Asian Kitchen, quase todo oriental tem sua cópia da fórmula wok com opções. Por último, o Burger Bar (sei que você é fã do Burgermeester, mas esse sempre foi mais conveniente pra mim).

Responder

Daniel Duclos outubro 13, 2011 às 22:42

A B&B é bem legal, e está recomendada no Guia Ducs Amsterdam/ O WoktoWalk não curti muito. O Burger Bar stá na minha lista de lugares pra ir, sua recomendação só reforça :D

Valeu

Responder

meri rodrigues outubro 13, 2011 às 19:36

Gente!!
Valeu pela dica, tava sofrendo pra comer em alguns países, mesmo frequentando bons restaurantes.
La Place em Amsterdã é o lugar, agrada a gregos e troianos. Podem ir tranquilamente, preço bom e comida boa…
bjo

Responder

Luara abril 9, 2011 às 20:37

Adorei o site! Estou pensando em passar o ano novo em Amsterdã e está sendo de muita valia para preparar a viagem! Parabéns!

Responder

FErnando abril 4, 2011 às 15:58

Man,
Isso é algo raro, pra uma pessoa que gosta de ler como eu.

Eu canso de ler seu blog de tanta informação boa, me perco com 564634 hyperlinks que vou abrindo, Fantastico.

Procurando coisas sobre Amsterdam achei sobre outras cidades que vou visitar tambem em junho. Valew mesmo.

Responder

Daniel Duclos abril 8, 2011 às 19:19

Oi Fernando

Eu que agradeço a companhia! Boa viagem proce em junho. Grande abraço!

Responder

Daniela outubro 5, 2010 às 03:59

Olá! Sou de Brasília-DF e estou pensando em passar uns dias de janeiro com meu marido em amsterdam. Confesso que estou com um pouco de receio por causa do clima, não só pelo frio (que particularmente adoro!), mas por medo de não ter muitas opções de diversão… Será que as opções são realmente limitadas, ou mesmo no inverno poderemos curtir muito??? Obrigada! Obs. Seu site é o máximo!

Responder

Daniduc outubro 14, 2010 às 00:49

Oi Daniela. Realmente no inverno tem menos coisas rolando na cidade, e muitas atrações fecham mais cedo. Porém, acho que dá pra curtir bem a cidade sim, pode vir pro frio :)

Responder

luiz felipe menken agosto 5, 2010 às 00:34

Cara,…. muito legal teu site ! Estivemos em amsterdam em junho/2010 e foi maravilhoso. Impressionante como tudo la funciona , e o que nao funciona é tao pequeno que nao se ve! Mas o que mais me impressionou foi a hospitalidade das pessoas, nao só dos Holandeses mas da populaçao em geral que mora la . Muitos sao de fora e fazem questao em ajudar e se fazerem entender. Bacana,2011 voltaremos para uma temporada de 15 dias e vamos usAR MAIS suas dias . Grande abraço a todos e aproveitem Amsterdam é imperdivel.

Responder

Daniduc agosto 5, 2010 às 14:17

Oi Luiz Felipe, valeu a força! Mas agora eu tô aproveitando Haia, pra onde me mudei tem uns meses. (fiz um artigo sobre isso na época e você irá notar um aumento de posts sobre Haia aqui :) Mas as cidades são perto e vou sempre pra Amsterdam também…

Abraço

Responder

Eliana Arp maio 19, 2010 às 18:45

Galera
Aqui vai uma dica legal de onde comer barato em Amsterdam…
Pode acreditar…Eu moro aqui ja fazem 25 anos….
xero da nega
Li
http://www.etenvooreentientje.nl/amsterdam.html

Responder

Francisco/Rio abril 13, 2010 às 17:59

Muito legal esse post. Aliás todos eles. E, sem trocadilhos, Amsterdam é duca…

Responder

Daniduc abril 13, 2010 às 18:05

Fala Francisco! Valeu cara! :) Bom ouvir isso!

haha, gostei do (não) trocadilho. E concordamos: amsterdam é duca :)

Abraço

Responder

Toninho abril 5, 2010 às 16:39

Olá, Ducs!

Acabamos de chegar de Amsterdam e posso dizer que suas dicas foram preciosas – parecia que já tinha visitado a cidade que por sinal é muito divertida, um barato…o La Place da OBA realmente é uma grande dica…assisitimos uma perseguição policial a dois afro-pivetões em pleno Red Light District que foi uma experiência curiosa, com toda a galera torcendo pra que eles caíssem nas gélidas águas do canal, o que não aconteceu..não me atrevi a me misturar na muvuca ciclística da city…enfim, valeu cada centavo e até sinto vontade de repetir a dose, some day….abração pra vcs…

Responder

Daniduc abril 6, 2010 às 10:32

Fala Toninho! Po, faleu pelo retorno cara! Fico feliz que sua vaigem tenha sido legal e que eu pude ajudar!

Espero que realmente resolvam voltar, e que enquanto isso continuem por aqui no blog.

Brigado mesmo pela mensagem – acho muito massa quando o pessoal volta pra dizer como foi a viagem! :)

Abração

Responder

isa abril 2, 2010 às 13:58

Ola, eu encontrei este blog e estou a adorar e a retirar as devidas notas para o meu caderninho… estarei ai em MAIO. So espero que não esteja mto frio.
Uma aposta em como irei comer falafel (super curiosa)….
Um super obrigado pelas dicas todas. Boa Pascoa

Responder

Daniduc abril 2, 2010 às 16:28

Oi Isa

Brigado pelo seu comentário – comentários assim sempre ganham meu dia.

Maio começa a esquentar, mas lembre-se sempre de ter uma blusa e um guarda-chuva à mão. Mais do que frrio, o tempo aqui é traiçoeiro e pode mudar de hora pra outra.

Boa Páscoa e boa viagem!

Responder

Gabi março 5, 2010 às 17:13

Descobri o blog hoje e adoreei o post!! (e o blog inteiro!!)
Ótimo! Na volta conto das experiencias concretas.. fiquei curiosa peo Febo.. heheh

Responder

Daniduc março 9, 2010 às 02:29

Legal, Gabi, brigado pela força! Tô esperando seu retorno por aqui, pra contar como foi! Excelente viagem pra você!

Responder

sandra fevereiro 24, 2010 às 19:27

Oi!

Cheguei agora de Amsterdam e suas dicas em geral foram muito, muito úteis. Quanto à comer barato, que é o tema do post, é possível almoçar ou jantar comida de verdade com menos de 10 Euros!! Achei que só fosse encontrar Mac ou Burguer King por esse preço, mas tem uns restaurantes perto da Leidseplein em que você come uma bela salada com frango por 7 Euros ou um prato de sopa de ervilhas por 4 Euros.

E o Bagles & Beans? Eu li em um guia, achei sem quererm e acabou virando meu lugar de café da manhã! Lugar gostoso, lanches ótimos e razoavelmente baratos e atendimento simpático. Recomendo muito!

Espero voltar ainda esse ano!

Beijos

Responder

Daniduc março 9, 2010 às 02:27

Oi Sandra

Que elgal que as dicas foram úteis! Fico feliz que tenha dado certo, e muito contente que vc tenha voltado aqui pra contar como foi!

O Bagels and Beans é um favorito meu também! Sempre acabo passando por um! :)

Espero que dê certo de vc voltar! Brigado pelas dicas!

Bjs

Responder

Fabricio fevereiro 24, 2010 às 03:07

Adorei os comentarios aki no Ducs |Amsterdam,dia 04 de março eu estarei ai comendo essas tranqueiras e pedalando pra expelir(espero continuar magro de ruim).

Ate rimou, rsrsrs

abraçs

Responder

Daniduc março 9, 2010 às 02:24

Maravilha Fabricio! Depois volta aqui e conta as dicas que você descobriu, pra gente saber também!

Abraço e excelente viagem!

Responder

Johnny fevereiro 23, 2010 às 14:46

Já perdi alguns centavos nos forminhos que não dão troco… e eu tenho quase certeza que tinha um lugar para sair o troco…

Quando estive em Amsterdam, comi muita batata frita com muita maionese e Döner. Sempre que dava fome tinha uma lanchonete por perto que vendi ou um ou outro (ou os dois).

Responder

Daniduc março 9, 2010 às 02:23

Opa Johnny

Será que você não viu o slot em que sai a devolução da smoedas erradas? Tipo, se uma moeda não é aceita, ela cai direto pelo outro slot.

Verdade, batatas e doner estão por toda parte. Particularemente, eu acho as batatas fritas daqui excelentes!

Abraço

Responder

Johnny março 9, 2010 às 12:58

Vi esse slot sim. E fiquei esperando as moedas, mas…

Responder

Daniduc março 9, 2010 às 13:00

Poisé. Ele só cospe de volta se você colocar uma ficha telefônica ou algo assim – daí ele devolve. Troco que é bom, os espertinhos não têm :-O

Responder

Eliane Zavoudakis fevereiro 20, 2010 às 01:48

Já ri muito com os artigos de vcs!!! Além de maravilhosos e valiosos, são divertidos demais. Parabéns. Vou visitar a cidade em maio, 2 dias, e foi um chado.
Obrigada

Responder

Daniduc março 9, 2010 às 02:21

Oi Eliane

Eu que agradeço os elogios, fiquei até encabulado! Espero que faça uma ótima viagem! Depois conta como foi!

Abraços

Responder

lucas fevereiro 12, 2010 às 17:06

Descobri no terceiro dia este Maoz Falafel, até então só tinha comido em mercado. Como não gosto de sanduiches, adorei este prato egípcio, não?
Além disso tinha um bolinho da indonésia que eles serviam na High Times, na Power zone que é uma delícia.
Abraço

Responder

Daniduc março 9, 2010 às 02:20

Fala Lucas

É egípcio sim, e é bem gostoso – embora me pese um tanto. Esse bolinho da Indonésia não conheço, hehe.

Abraço

Responder

rbp fevereiro 10, 2010 às 22:28

Szafir, estive pensando em escrever um guest post a esse respeito, mas já adianto a minha opinião sobre o assunto: comunicação, sempre se dá um jeito. Com um pouco de boa vontade e bom humor, tudo rola. Estou atualmente em viagem, e passei por Praga, onde pouca gente fala qualquer língua que eu fale. Aliás, pros meus ouvidos, os locais de vez em quando pronunciam sons bizarros, nenhum deles incluindo vogais. E me virei muito bem, inclusive pra pegar um substituto pra um trem que havíamos perdido, “conversando” com uma funcionária cujo vocabulário incluia uma única palavra estrangeira: “finito”.

Em suma: vá viajar. Comunicação é facilitada por, mas não exige, uma língua em comum.

Responder

Szafir fevereiro 10, 2010 às 21:29

“Eu Amei Essas Dicas” eu não vejo a hora de chegar ai em amsterdam,,,mais o problema é só o ingles. Eu quero saber se essas dicas são novas?

Responder

Daniduc fevereiro 10, 2010 às 21:33

Esse post é da semana passada 01/02, fresquinho!

Responder

rbp fevereiro 6, 2010 às 22:13

Pô, o Febo não é tão gordurento assim… :P

E o La Place é animal! Só cuidado pra pedir demais. Os grelhados vêm com o prato *lotado* de batatas (fritas ou assadas), então um desses *mais* um prato pequeno de salada já é MUITA coisa!

Enfim… Street food rocks :)

Responder

Daniduc fevereiro 8, 2010 às 21:37

Érre, faltou vocês experimentarem o croquete do Van Dobben! Vai ficar pro ano que vem, certo?

:D

Responder

rbp fevereiro 8, 2010 às 22:47

Cáspita! Eu sabia que faltava alguma coisa ;)

Responder

cottonboy fevereiro 3, 2010 às 05:27

ói nois aqui de novo.

Ducs. É uma coisa que eu acho meio bizarra ai na holanda hahahaha esses forninhos na parede com comida gordurosa. Tipo. Os caras andam de bicicleta pra la e pra ca o dia todo, por kilometros, e comem esses trecos godurosos hahaha

aí vem minha duvida. Existe Holandes gordo? Ou toda essa gordurinha acumulada vira energia nos pedais? hahahaha

abs.

Responder

Daniduc fevereiro 3, 2010 às 17:35

Po, cottonboy, esse é um dos maiores mistérios da Holanda. No fim as bikes são movidas a gordura do FEBO e afins hehehehe. Eu li uma vez numa pesquisa que o que os holandeses expatriados mais sentiam falta da sua terra mãe era o croquete frito. WTF? :D

Bem, ou é a teoria da bike ou a de que eles são magros de ruim, como dizem as avós :P

Abraço

Responder

Toninho Hubaide fevereiro 2, 2010 às 17:30

Cara, sensacional este post….dei boas risadas…estarei aí em março e certamente vou constatar td “in loco”…abração.

Responder

Daniduc fevereiro 3, 2010 às 17:31

Fala Toninho!

Massa, depois conta ai como foi! :) Boa viagem procê! :D

Responder

sandra fevereiro 1, 2010 às 19:16

Gente!

Essa era a dica que eu precisava. Como me alimentar (mais ou menos) bem sem voltar falida. Afinal, tenho minhas prioridades, como gastar em museus e nas lembrancinhas!

Valeu!

Responder

Daniduc fevereiro 3, 2010 às 17:30

Oi Sandra! É isso aí! E se na sua viagem você descobrir mais alguma dica, compartilha aqui conosco depois!

Boa viagem!

Responder

sandra fevereiro 1, 2010 às 19:15

Gente!

Essa era a dica que eu precisava. Como me alimentar (mais ou menos) bem sem voltar falida das compras. Afinal, tenho minhas prioridades, como gastar em museus e nas lembrancinhas!

Valeu!

Responder

{ 8 trackbacks }

Previous post:

Next post: