O melhor guia online sobre Amsterdam, em português” – Estadão

Haia na Holanda: turismo e principais atrações, o que fazer e como chegar

por Daniel Duclos em 22/08/2011

"Deixa os turistas pensarem que a capital da Holanda é Amsterdam", dizem os habitantes de Haia, "assim eles nos deixam em paz pra trabalhar de verdade..."

Essa pequena maldade é mais uma enticância de Haia com Amsterdam do que com os turistas, claro. Bairrismo é esporte antigo e universal, e os holandeses são praticantes entusiastas.

Haia tem alguma razão ao dizer que eles são a capital de fato da Holanda, apesar de Amsterdam levar a fama: a sede do governo, embaixadas, política e monarquia holandesas estão na cidade. Amsterdam tem apenas o posto cerimonial. (Eu expliquei a baderna no artigo sobre curiosidades históricas da Holanda que você provavelmente não sabia).

Monumentale bomem - Den Haag

Bem-vindos à Haia

Mas os turistas que se aventurarem 56 quilômetros pro sul de Amsterdam (51 minutos de trem) e vierem pra cidade irão ter um bate-e-volta no mesmo dia muito agradável e uma cidade com atrações excelentes, que valem a pena serem visitadas. Quais atrações? Oras...

1. Mauritshuis

UPDATE: A Mauritshuis está em reforma no momento. Espera-se que reabra em 2014, mas não há data certa. Diversas obras estão expostas no Gemeente Museum (Stadhouderslaan 41). A principal obra da Mauritshuis, Menina com brinco de pérola, está em viagem e não se encontra no Gemeente Museum.

Museus, eu adoro, e a Mauritshuis é um dos meus museus favoritos da Holanda. O nome quer dizer "Casa do Maurício", no caso o Maurício de Nassau.

Sim, você lembra dele, das suas aulas de história! O Governador dos territórios sob domínio da Companhia das Índias Ocidentais no Brasil tinha uma singela morada no centro de Haia, e por singela morada quero dizer "palacete".

Museu em Haia: Mauritshuis

Fora a vista...

Apesar de ser grande pra uma casa, é pequena pra um museu, mas isso é mais uma vantagem do que uma desvantagem. A coleção é fenomenal, cheia de obras primas de grandes mestres, super fácil de ver de uma vez.

Também, como não é mega pop como o Museu do Van Gogh (que é uma das principais atrações de Amsterdam), rola você ficar um bom tempo admirando Vermeer, Rembrandt, Rubens, Jan Steen, Albert Cuyp e outros mestres.

As exposições temporárias são sempre legais e, se você manja de holandês, tem um tour gratuito todo domingo às 14h00. Hey, não custa avisar! Eu fiz e foi bem legal, aprendi bastante apesar do meu holandês não ser essas maravilhas.

Principais obras: Menina com brinco de pérola de Vermeer, Lição de anatomia do Dr. Tulp, de Rembrandt e a pintura mais antiga feita por um profissional nas Américas, a Vista de Itamaracá de Frans Post. Mas tem muitas, muitas outras obras primas. Veja com calma e depois pare no simpático café do museu (caro, obviamente).

Sitehttp://www.mauritshuis.nl/
Horário
: De segunda a sábado, das 10h00 até as 17h00. De domingo abre uma hora mais tarde, às 11h00.
Preços: A partir de 14 de setembro de 2011, €12,00 pra adultos. Aceita a Museumkaart também. Veja a tabela de preços atualizada.
EndereçoKorte Vijverberg 8. Dá pra pegar tram na Centraal Station (10, 16 ou 17 desça na Buitenhof), mas são só duas paradas, dá 10 minutos a pé. É bico, veja no mapa.

 

 2. Madurodam

Madurodam é um parque de miniaturas, ou melhor, maquetes. Maquetes do quê? Da Holanda!

Os holandeses resolveram partir pra recursão a fazer uma miniatura do país miniatura deles, e mandaram muito bem nisso!

As maquetes são muito bem feitas e mostram lugares famosos da Holanda. Os que eu já conhecia adorei reconhecer a perfeição de detalhes, e as maquetes dos lugares que ainda não visitei me encheram de vontade de explorar ainda mais a Holanda.

Madurodam

Muita coisa se mexe, faz barulho, os trens andam pelos trilhos, aviões manobram no mini-Schiphol, barquinhos navegam pelos rios e canais, eu confesso que me diverti horrores, apesar do preço meio salgado e do que dizem...

Assim: Madurodam é um lugar feito pra ser uma atração turística. Quero dizer, não é como a Mauritshuis, que tem uma história por trás e acabou virando atração, ou Reichstag de Berlim, que tem uma função além de receber turistas.

E é feito principalmente pra atrair crianças, e essa é a fama de Madurodam aqui na Holanda: um lugar turistoso pra crianças. Mas eu, não sendo nem criança nem turista (eu moro em Haia), gostei e recomendo pra uma tarde agradável — se o tempo estiver bom.

(O clima na Holanda é traiçoeiro, e se estiver chuvoso, talvez seja melhor pular Madurodam, já que o parque é a céu aberto.)

Só achei que, pra ficar perfeito, uma das maquetes em Madurodam tinha de ser de Madurodam! Aí ia criar um loop infinito que poderia resultar num ruptura no espaço-tempo gerando um mini Godzilla que passearia pela maquetes soltando fogo e... e...

Bem, talvez essa frase anterior explique porque gostei do lugar apesar do público alvo serem as crianças...

Atração em Haia: Madurodam

Mini campos de tulipas

Atração em Haia: Madurodam

Amsterdam dentro de Haia

Atração em Haia: Madurodam

O que é aquilo ao fundo? Gigantes? GIGANTES?

Sitehttp://www.madurodam.nl/
Horário
: Abre todo dia às 9h00. A hora em que fecha depende da estação do ano. De 1 de janeiro até 31 de março fecha às 17h00. De 1 de abril até 30 de junho, fecha às 19h00. Daí, de 1 de julho até 31 de agosto, fecha às 21h00. Por fim, de 1 de setembro até 1 de dezembro, fecha às 17h00. Se tiver dúvidas, sempre consulte a informação mais atualizada no site.
Preços: Adutos pagam €14, 50, crianças até 11 anos fica por €10,50... isso na hora. O mais esperto a fazer é comprar o bilhete on-line, que sai mais barato. Vá na página comprar.
EndereçoGeorge Maduroplein 1. Da Centraal Station, pegue o tram 9 ou Bus 22 e desça na parada Madurodam. Daí não tem muito como errar, é mega sinalizado.

 

3. Panorama Mesdag

O Panorama Mesdag é um pequeno museu com quadros do pintor Hendrik Willem Mesdag  — do qual você nunca nem jamais ouviu falar, eu sei. Calmaê.

Seguinte, apesar de ter alguns quadros menores, a atração de verdade é um quadro específico. Só um. Mas é O quadro.

O Mesdag, em 1881 resolveu pintar a praia mais famosa da Holanda, Secheveningen. Em 360°. Com 14 metros de altura e 120 metros de circunferência. Você sobe uma escada e sai em uma plataforma cercada pelo quadro. Isso só já seria algo digno de se ver, mas ele escondeu as extremidades do quadro e montou um cenário e… e você não sabe onde começa o quadro e a cena parece absolutamente real. Você se sente dentro da praia!

Sim, o brother criou uma cena 3D perfeita usando a avançada tecnologia de pincel e tinta… em mil oitocentos e oitenta e um! Se isso não te impressionar, companheiro, você é duro na queda mesmo. Mas vá ver primeiro depois me diga. Vai valer os seis pilas e meio da entrada, tenho certeza.

Sitehttp://www.panorama-mesdag.com/
Horário: Segunda a sábado, das 10 às 17h00, de domingo das 12 à 17h00.
Preços: Adultos, €6,50, crianças até 12 anos €3,00. Veja sempre os preços atualizados. Aceita a Museumkaart também. A Museumkaart é uma das formas de economizar dinheiro na Holanda.
EndereçoZeestraat 65. Na Centraal, pega o Bus 22 e desce na parada Mauritskade, daí é 5 minutos andando (veja o trajeto).

4. Noordeinde

Todo mundo tem uma rua favorita nas cidades, e em Haia a minha é a Noordeinde. Se eu digo isso prum holandês ele provavelmente irá me achar metido. É considerada uma rua "chique".

Nela fica o palácio Noordeinde, que é onde a Rainha da Holanda, Beatrix, trabalha (ela mora em um outro palácio). O palácio é legal, mas só dá pra ver por fora: em 3 minutos você viu, tirou uma foto e acabou.

Palácio real em Haia: Noordeinde

Mas é bonito...

A rua não é legal por causa do Palácio (embora os seus jardins, abertos e transformados em um parque, acessíveis pela rua paralela, sejam bem legais). É porque é lotada de um comércio muito interessante. São cafés charmosos, livrarias (e muitos sebos), papelarias e incontáveis galerias de arte.

Noordeinde

Rua em haia na Holanda: Noordeinde

Até as bikes são artísticas na Noordeinde

A parte da arte me fascina muito. As galerias estão sempre mudando suas vitrines, e toda vez que passo na Noordeinde é como se eu estivesse vendo uma exposição de arte nova. Volta e meia elas estão também fazendo recepeções e eventos, e você pode entrar (se tiver a cara de pau), tomar um vinho, ver arte, falar com as pessoas...

Além disso, uma vez por ano rola um fim de semana dedicados à arte (o Noordeinde kunstdagen). Eles fecham a rua, e todo o comércio põe uma barraquinha frente, e tem performances artísticas pela rua toda: pessoas vestidas com um Emu na cabeça andando solenemente, outra coberta de talheres e... você pegou a idéia. Isso é um lance que eu gosto na Noordeinde: você nunca sabe o que vai encontrar.

Se a seleção de cafés, pubs, restaurantes, sebos, lojas de design, moda, e galerias de arte não te apetecer, ainda tem algumas tratorias com comida excelente e... barata!

Sim, existem coisas baratas na Noordeinde, apesar do que todo holandês vai te dizer (pra ser honesto: a maioria das coisas lá é absurdamente cara. Absurdamente.)

Mas olhar não paga, e passear pela Noordeinde é uma das coisas que gosto de fazer em Haia — e você ainda corre o risco de encontrar a Rainha. Não, sério! Vai ser difícil de enxergá-la em meio a tantos guarda-costas, mas pode acontecer. ;)

Rua para visitar em Haia: Noordeinde

Você achou que era piada?

Café bonito e gostos: La Mano Maestra: Noordeinde, 138b
Rotisseria italiana: Rosticeria Delicatezze: Noordeinde, 190
Café legal pra comprar uma lembracinha cafezística: Dowe Egberts — Noordeinde 142-144
Mas não se prenda muito às indicações: o gostoso é andar pela rua e ver o que você encontra. Pra chegar na Noordeinde, é um pulinho da Mauritshuis, siga a mesma orientação. Olha no mapa como você segue da parada Buitenhof até a Noordeinde.

5. Escher in het paleis

O artista gráfico holandês M. C. Escher é herói de infância meu (e de muitos outros nerds) por suas imagens que desafiam a perspectiva, fazem mundos impossíveis parecerem viáveis e dão uma noção do que é o infinito. Sua mente se contorce como uma fita de möbius ao tentar abarcar aquelas noções que Escher tão brilhantemente punha em sua obra. Os matemáticos se divertem até hoje com as gravuras de Escher, e eu com eles.

O Museu em holandês é chamado de Echer in het Paleis, “Escher no Palácio”, porque ele foi inaugurado em 2002 num antigo palácio, onde morou a Rainha Consorte Emma. É uma bela casa tabém, e visitá-la pra ver as obras produzidas ao longo da carreira de Escher foi uma das grandes motivações pra eu ir a Haia pela primeira vez em 2007.

Uma das coisas mais legais é acompanhar a evolução do artista: suas primeiras obras tentavam reproduzir perspectivas complicadas, cada vez mais complexas, enquanto ele dominava a técnica para depois, mais pra frente na carreira, passar a quebrar as regras que aprendera tão profundamente.

16/12/07

Pra homenagear o Escher, resolvi também brincar com perspectiva. Sim, a mão está invertida.

Sitehttp://www.escherinhetpaleis.nl/
Horário: Terça a domingo, das 11h00 às 17h00. Fecha de segunda-feira!
Preços: €8,00 pra adultos, crianças até 15 anos €5,500. Veja sempre os preços atualizados.
Endereço: Lange Voorhout 74. É praticamente do lado da Mauritshuis.

A ressalva óbvia: se você não curte Escher, esse não é o museu pra você. Daí eu sugiro um pulo na Praia de Scheveningen.

Bônus: Scheveningen

Sim, a Holanda tem praia, e a mais famosa delas e Scheveningen. Se preocupe não se não conseguir dizer o nome. A não ser que você seja um agente alemão infiltrado na resistência holandesa durante a Segunda Guerra Mundial... aí, ou você pronuncia direitinho ou tá ferrado!

Essa lenda sobre o método de detecção de agentes infiltrados me foi contada por muita gente — tantas que resolvi, mesmo não sendo alemão e vivendo uns 65 anos depois, praticar: Srrê - fêi — nín — guêmm.

Mas vamos à praia! Claro que o Brasil lidera de longe no assunto, mas pode ser curioso dar uma encarada no mar do norte. A água varia entre enregelante e era glacial, o que não afastas as crianças nem os surfistas. Não, mas Scheveningen é mais pra olhar, nos raros dias de calor da Holanda...

Ou melhor, nos raros dias de sol! Eu cheguei a ir lá tomar cerveja em um dos inúmeros barzinhos da orla com a temperatura de 14°c, o que no Brasil é conhecido como inverno profundo, mas a Holanda saúda como "chegada da primavera". Estava sol, e ele não dava as caras há alguns meses! More aqui quatro anos e a gente conversa.

Praia na Holanda: Scheveningen em Haia

Cada um curte a praia no seu estilo: suspensório, biquini, vale tudo.

Um dos barzinhos que eu curto ir lá chama Copacabana. Confesso que é só pelo nome e pela graça de ver alguns itens do menu em quase-português. Não caia na pegadinha do "pastel de galinha". É galinha, mas não é pastel.

Durante o verão rola altas esculturas de areia, e a praia lota monstruosamente nos dias de calor de verdade (acima de 25°C). Durante o inverno, só há uma meia dúzia de surfistas destemidos.

E eu, em um dia. Sério, um dia no inverno passado, quando nevou e bateu uns -8°C, eu fui lá ver como era a praia. Eu fiz um artigo pra contar o que vi da praia nevada.

Pessoa encapotada andando na praia nevada de Scheveningen, Holanda

Última moda em biquinis na Europa...

Como chegar em Haia vindo de Amsterdam

É bico! Haia tem duas estações principais de trem (e inúmeras secundárias): Den Haag Centraal Station e a Den Haag Holland Spoor (ás vezes escrita como Den Haag HS).

Eu recomendo você pegar o trem na estação central de Amsterdam (Amsterdam Centraal Station) direto pra Den Haag Centraal Station. Sai de meia em meia hora (nos minutos 11 e 41 da hora), e a viagem dura 51 minutos. Em Amsterdam, o trem pra Den Haag Centraal sai em geral da plataforma 13a, mas confirma, porque às vezes muda.

Você compra a passagem nas máquinas amarelas, ou, se preferir, no guichê de atendimento da Centraal (paga um pouco mais caro).

(Eu escrevi um guia sobre o transporte público em Amsterdam, vai te ser útil).

O nome da cidade

Haia comporta uma certa confusão com o nome, porque existem duas versões em holandês, totalmente diferentes do português e ainda é famsoa pelo nome em inglês. Vamos esclarecer, pra você parar na cidade certa.

Em holandês, Haia é conhecida como Den Haag. Pelamor, não pronuncie isso como dênágui. Lembre-se que o h é aspirado em holandês, e o G se pronuncia como RRê. Quer saber, desista de pronunciar. Apenas ouça, pra você reconhecer quando os holandeses falarem (esse link é um arquivo de som).

Se você achar Den Haag complexo, nem entre pelo nome oficial da cidade: 's-Gravenhage. Com um s mudo e tudo, nem vou mexer nesse vespeiro, fica só pra registro.

Em inglês, a cidade é conhecida como The Hague, mantendo a tradição de chaamá-la com um artigo na frente. Aliás, o nome da cidade em português também é A Haia, com artigo.

Digo também, porque no português brasileiro não se usa mais o artigo, pelo que pude perceber. Tanto o site oficial da cidade em português, quanto o site do embaixada brasileira em Haia, quanto do consulado holandês em São Paulo se referem à cidade sem o artigo: Haia. Se o próprio governo holandês e o site da cidade dizem que o nome é sem artigo, pra mim acabou a questão.

Aliás, o site da cidade é excelente, embora eu diga pra consultá-lo em inglês mesmo: http://www.denhaag.nl/en.htm

Boa viagem!

Espero que você tenha se animado pra conhecer Haia. Logicamente que nesse artigo eu abordei só o essencial: a cidade tem muito mais a oferecer! Eu abordei a cidade em vários artigos aqui no Ducs.

Mas pra um bate-e-volta de um dia, o que indiquei aqui cabe legal. É tudo muito perto (Madurodam é um tico mais longe, mas não muito), a cidade não muito grande. Por exemplo, a Mauritishuis, Escher in het Paleis, Noordeinde e Panorama Mesdag dá pra ir andando de um pro outro.

Tenho certeza de que você vai se diverir e o passeio será muito agradável!

Haia

Haia dá um excelente passeio em família

Daniel Duclos (Daniduc), é um brazuca que mora na Holanda com a esposa, também brasileira, desde novembro de 2007. Criou o Ducs Amsterdam, o qual escreve, fotografa e edita. Em 2011 lançou um guia de Amsterdam e virou pai de uma linda garotinha, com quem redescobre o mundo todos os dias.

Procurando hotel pra sua viagem?

Eu escrevi um artigo com muitas Dicas de hospedagem.

Se você fizer sua reserva através dos links aqui no Ducs, eles repassam uma comissão pra gente. Então é uma forma de retribuir o Ducs em Amsterdam e ainda descolar um lugar legal, ter suporte em português! :) Todo mundo ganha!

Ah... e o Booking lista hotéis no mundo todo! Não precisa ser só em Amsterdam!

Ingressos pra atrações em Amsterdam

Outro jeito bacana de retribuir o Ducs e ainda se dar bem é comprar ingressos online comigo. Assim você evita ficar tomando vento em fila quando você devia estar passeando e dá uma força preciosa.

Dá uma olhada na página de ingressos do Ducs Amsterdam!

Algo a dizer? Manda bala! :)

(Ah, você tem uma dúvida? Leia antes a FAQ. É sério! A maioria das respostas tá lá...)

Você leu a Política de Comentários aqui no Ducs?

Comentários escritos TODO EM CAIXA ALTA não serão aprovados.

Dê lá o seu recado!

Notifique-me de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.

{ 77 comentários… leia abaixo ou deixe um }

Eduardo Rodrigues abril 28, 2014 às 16:00

Olá pessoal. Olá Ducs! Estou passando por aqui para agradecer a você pelo seu site. Você nos deu dicas muito valiosas que o tempo todo foram lembradas em nossa passagem (minha esposa, meu filho de 5 anos e eu) por Amsterdam (4 dias) e Haia (8 dias)… de 31 de março a 12 de abril. Valeu mesmo pelo cuidado e atenção em informar os detalhes (lojas de souvenir com “tudo misturado”, dicas de transportes, lugares para ir com crianças pequenas, Mercado AH, Hema, OV-Chippcard…). Valeu mesmo! Dank u wel!! Como um forte adepto do seu jeito de ajudar, gostaria de deixar aqui a nossa própria dica de economia na Holanda. Alimentação: Quem é chegado em saladas leves para a refeição vale a pena procurar as saladas prontas na loja Hema. Você encontra saladas cruas deliciosas com atum, batatas cozidas, tomate seco, molho, etc. ao preço de 2,75 Euros (PASMEM) que alimenta um adulto de 96kg como eu! muito bom. Embalagem descartável e tem até talher descartável na loja (free)…. Estimamos um valor para rango e gastamos cerca de 60% menos nessa!

Responder

Daniel Duclos maio 5, 2014 às 21:51

Fala eduardo, legal que curtiu! O HEMA realmente tem ótimas opções de comida barata. Valeu a dica e um abraço

Responder

maria lucia bove abril 15, 2014 às 22:35

somos um casal de 69 e 76 anos. Vamos para Roterdam em setembro e gostariamos de conhecer Haia,Gouda,Delft,bem como Leiden, mas com uma cia.turistica local. Voce poderia nos sugerir alguma delas.
Com seus comentarios ja nos sentimos na Holanda do Sul.
Parabens!
maria lucia e leo

Responder

Daniel Duclos abril 16, 2014 às 22:08

Oi Maria Lucia, veja excursões, talvez interesse:

http://ducsamsterdam.amsterdam.ticketbar.eu/pt/excursoes/amsterdam,-delft-e-haia-/
http://ducsamsterdam.amsterdam.ticketbar.eu/pt/excursoes/norte-e-sul-holland-tour-/

Eu recebo comissão por ingresso vendidos através desses links.

Responder

tania fevereiro 24, 2014 às 17:56

Ola Daniduc,

Adorei o seu blogue. Eu queria comversar mais com voce e com e sua esposa sobre a vida de voces na Holanda. Se voces me permitirem isso…poderemos bater um papo…

Responder

Daniel Duclos fevereiro 24, 2014 às 21:13

Tania, o que me sinto confortável em tornar público sobre minha vida na Holanda está ou será publicado no blog, o resto mantemos reservado por questões de privacidade.

Responder

tania fevereiro 25, 2014 às 16:38

De forma nenhuma, eu gostaria de saber algo sobre a privacidade de voces. Talvez tenho escrito rapido e nao me fiz explicar direito.
Mas tudo bem, senao for possivel.

Responder

tania fevereiro 25, 2014 às 16:44

Apenas, pretendo morar na Europa e gostei muito de Amsterdam, assim, gostaria de saber de sua experiencia se for possivel compartilhar; algo no sentido de como eu poderia conseguir morar la, ja que sei que no momento esta mais dificil pela lei de imigracao. Quero deixar claro que nao desejo saber nada sobre a privacidade de voces. Apenas desejo saber como pode ser possivel hoje um brasileriro vir morar na Holanda?

Responder

tania fevereiro 25, 2014 às 17:08

Sei tambem que seu blog nao e para esse tipo de informacao e conversa. Por isso, fiz a pergunta se era possivel um bate papo, nesse sentido. Peco desculpas por nao me fazer entender direito e por querer conversar sobre isso.

Responder

fabio fevereiro 11, 2014 às 00:51

Daniel, me diga uma coisa, tem um prque que fica há cerca de meia hora de haia, vale a pena ?

Responder

Daniel Duclos fevereiro 11, 2014 às 21:16

Fabio, existem diversos parques dentro e ao redor de Haia, sem mais detalhes eu não sei a qual você está se referindo

Responder

Glaucia Simões Jucá janeiro 11, 2014 às 01:27

Realmente foi um achado ter encontrado vc Daniduc.Tenho 12 dias para ir a Holanda a qual já conheço e tenho uma amiga que mora em Den Haag.Porem não gostaria de dá muito trabalho para ela nem deixá-la fora década pelo tempo todo que estarei.Ela já se predispôs a me ciceronear,pois o que realmente quero é “ver” o que não mostram aos turistas “passageiros”.Gostaria de ir a cidades pitorescas próximas,tipo Zandraam e outras mais que só vc pode sugerir.Como só falo inglês e confesso que muito enferrujado,se vc conhecesse alguém que fosse uma guia aprendiz ( não tenho muito euro disponível para luxos)e desse dicas de hotel em Amsterdam de 3 estrelas,com café da manhã,perto dos museus de Van Gogh e da praça Dom.Em Haia um bed and breakfast perto do endereço da minha amiga,que depois lhe passo.Os seus honorários também eu gostaria de saber por dar toda está acessória.Puxa,torço para dar certo,pois era isto que imaginava,passar um tempo bom com minha amiga,mas não sobrecarrega-la demais!Aguardo ansiosa sua resposta. Att Glaucia

Responder

Daniel Duclos janeiro 13, 2014 às 20:42
Olinda Rio outubro 23, 2013 às 20:51

Muito útil! Ainda só dei uma olhada mas já guardei o endereço. Vou ser moderadora na NECE Conference, 14 a 16 de Novembro, em Haia.

Obrigada

Linda

Responder

Daniel Duclos outubro 28, 2013 às 22:00

Boa viagem Linda

Responder

Heid agosto 26, 2013 às 21:32

Muito legal encontrar seu blog e descobrir tantas dicas e fotos interessantes sobre Amsterdam. É que uma colega acabou de chegar a Haia, onde permanecerá algum tempo para estudar e eu aproveitei para enviar o link desta página a ela. Parabéns! Está muito bem escrito, ilustrado, limpo deixando nosso passeio por aqui fluir naturalmente. Adorei :-)

Responder

Daniel Duclos agosto 28, 2013 às 00:28

Obrigado Heid! Um abraço

Responder

Sandra Marcia Parente Mazza agosto 18, 2013 às 22:33

Adorei a matéria, quero manter contacto, pois é meu sonho conhecer Haia.

Responder

Daniel Duclos agosto 22, 2013 às 20:15

Haia é muito legal!

Responder

Luciano agosto 1, 2013 às 18:41

Olá poderia me informar como funciona o sistema de bilhete único em Haia e Roterdam, quanto custa, quanto tempo pode usar, etc…

Responder

Daniel Duclos agosto 2, 2013 às 01:28

Luciano, a Holanda toda usa o OV-Chipkaart, cujo funcionamento etsá explicado nesse artigo: http://www.ducsamsterdam.net/transporte-publico-amsterdam/ preços variamd e cidade pra cidade e ano pra ano

Responder

Nivaldo julho 30, 2013 às 23:46

Será que esse Madurodam é melhor que o mini-mundo em Gramado? Haha, brincadeira… parece ser muito bem feito e detalhado, ao contrário do concorrente gaúcho.

Responder

Daniel Duclos agosto 2, 2013 às 01:16

Já comentaram do Mini-mund aqui nesse artigo. Infelizmente nunca fui pra comparar…

Responder

vitor junho 17, 2013 às 17:44

Daniel parabéns pelo blog. Em Den Haag mesmo estava perdido e não sabia o que fazer, entrei no google procurando por dicas e o seu blog foi o primeiro a aparecer. Eficiente, prático e com otimas dicas. Maduram é incrivel. Muito Obrigado. abraços

Responder

Daniel Duclos junho 18, 2013 às 02:04

Valeu Vitor, fico feliz de saber que ajudei! Grande abraço

Responder

joao Borges maio 30, 2013 às 23:52

Visitei Dan Haag já por quatro vezes, Daniel.
Parabens pela excelente síntese que fez da cidade e seus maravilhosos atrativos !
Particularmente adoro os museus holandeses , em especial o Panorama.
Espero encontra-lo em minha próxima ida a cidade em 2014.
Um abraço,
Joao Borges

Responder

Ana Paula maio 8, 2013 às 01:00

Oi, Daniel. Vocês estão de parabéns pelo blog.. Linguagem agradável e divertida e informações confortantes para quem não conhece nada sobre os lugares…hehehe
Depois de 03 anos, vou conseguir tirar 22 dias de férias e chegarei em Amsterdam no dia 23/06. Saio dia 27/06 para Bruxelas, depois Paris e Londres.
Não conheço nada em Amsterdam, nem em Bruxelas e você tem me ajudado a segurar a ansiedade.
Meu esposo e eu somos professores de Direito aqui no Brasil, além de advogados, e uma das áreas dele é Direitos Humanos. Hoje, ele me perguntou se conseguiríamos ir para Haia, que é a “capital jurídica do mundo”. Logo, corri para acessar seu blog…rs
Você sabe me dizer se os Tribunais Internacionais são fáceis de localizar?

Grata desde já

Responder

Daniel Duclos maio 11, 2013 às 18:52

Ana paula, eu Não sei, eu nunca fui atrás deles… é, enfim, acho que o assunto não meu atraiu :( Sorry… boa viagem!

Responder

Marcos junho 1, 2013 às 06:18

Super fácil de achar. A sede da Corte Internacional de Justiça chama-se Palácio da Paz. O lugar e maravilhoso, mas Voce precisa reservar uma visita guiada antes de ir, caso contrario dará com a cara na porta. Use esse site: http://www.vredespaleis.nl/index.php?home=1.
O interior do palácio e maravilhoso. Mais rico que muitos museus. Divirtam-se. Marcos – Santos-SP

Responder

Daniel Duclos junho 1, 2013 às 10:46

Valeu Marcos!! Abraço

Responder

Alexandre Sette e Camara abril 29, 2013 às 22:00

Blza Daniel? Parabéns pelas altas dicas desse apaixonante país. Resolvi passar meus aniversário de 50 anos em Amsterdam. Faço dia 03 de julho mas estarei voando para Frankfurt e Rio no dia. Estava precisando de uma dica de restaurante descolado ou até mesmo um boat-tour-dinner pelos canais pois assim teria a virada do dia 02 para 03, dia do meu aniversário. Pode me ajudar? Abraço grande do Alex

Responder

Daniel Duclos maio 7, 2013 às 01:58

OI Alexandre. Na seção de ngressos do Ducs tem uma opção de boat tour dinner, veja: http://www.ducsamsterdam.net/ingressos/

Parabéns e boa viagem :)

Responder

Andreia Kuwano abril 15, 2013 às 21:19

Ducs!
Já li todo o seu guia sobre Amsterdam (muuuuito bom, por sinal), então essa parte da minha viagem aparentemente está OK. Só que eu estava pensando em descer de carro até a Bélgica, parando em cidadezinhas, e dormindo 1 noite em Haia e 1 noite em Rotterdam. Você acha que seria melhor dormir nessas cidades maiores ou passar por elas e dormir nas pequenas no caminho (como vamos estar de carro, não sei como seria o estacionamento). Você conhece os bairros bons de ficar em Haia e Rotterdam?
Desculpa ficar enchendo o saco fazendo um monte de pergunta
Andreia

Responder

Daniel Duclos abril 16, 2013 às 19:34

Eu acho interessante dormir nas maiores, pois certamente tem mais coisas pra fazer… Em Haia é legal ficar no centro, Rotterdam não saberia indicar. Abs

Responder

Magda março 9, 2013 às 22:30

Seu blog é maravilhoso!!!
Adorei as fotos da praia com neve, fantástico!!!!
Mas estou precisando da ajuda de vocês, meu marido e eu passaremos somente três dias em Amsterdã, simplesmente não sabemos o que fazer….
Vocês nos mostraram tanta coisa boa, temos vontade de ficar mais tempo, mas agora é impossível (checamos com o agente de viagens) já compramos as passagens de volta e enfim….
Socorro, ajude-nos a escolher…de-nos um norte, adoramos tudo, vamos ficar no Hotel Amstel Botel (não conhecia vocês, desculpa) mas adoramos a idéia de passear de barco pelo canal, pode nos ajudar?
Se não der, não tem problema, continuaremos sendo fã de vocês
Parabéns pelo trabalho e boas viagens para todos
Obrigada
Magda

Responder

Daniel Duclos abril 3, 2013 às 00:58

Oi Magda

Em três dias dá pra fazer bastante coisa, a cidade é pequena e o deslocamento fácil. Vá com calma que dá pra aproveitar muita coisa.

Passear de barco é bem legal sim, mas qual ajuda você está precisando?

Abraço

Responder

Paulinho janeiro 10, 2013 às 17:57

Gostaria de saber qual é melhor forma de chegar à cidade de Otterlo a partir de Amsterdam.

Responder

Daniel Duclos janeiro 10, 2013 às 21:30

Nunca havia ouvido falar dessa cidade. Pelo que pesquisei não há trem direto para lá e você vai ter de baldear. Veja as instruções de possibildiades de rota aqui: http://goo.gl/maps/TNMNd

Responder

Fernanda janeiro 10, 2013 às 15:01

Olá,
li seu artigo sobre o Brasil e nossa gritande desigualdade. Muito interessante o que você escreveu Daniel, parabéns…é um pouco assustador quando pensamos que é importante e necessário que as pessoas tenham acesso a esta reflexão. Em que momento da nossa história a sociedade partiu para este abismo social gigantesco…perdemos o fio.

Só lembrando que o mini mundo é em Gramado/RS e não em Canela…e que é muito legal e vale a pena conhecer :) respeitando as devidas proporções Brasil/Europa.
Abçs

Responder

Bernard Xavier novembro 13, 2012 às 14:12

Grande!
Dei um pulinho lá ontem…. De prima, paguei 21,50 euros pelo trem ida e volta (pronunciei Den Haag em holandês e a atendente sorriu pra mim e perguntou se eu falava holandês tb hahaahahahahahaha) …. Como estou de férias, acho que é valido….Na ida ng checou nada, mas na volta um vovô tava no trem verificando o ticket de todos….
A casa de Mauricio de Nassau, assim como vc já citou, está em reforma, mas ao anexo, é lindo (e não lembro o nome mas tirei várias fotos)….
Uma coisa que fiquei apaixonado foi o Madurodam, pois me amarro nessas paradas de trem, carros, etc…. Desculpe Canela – RS, mas não se compara meeeeeeeeeeeeeeeeeeeesmo…. Ah, paguei 14 euros pra entrar lá…. não acho um preço salgado, sabe pq? no Brasil, em Canela, vc paga algo em torno de 30 reais pra ver 1/10 do que é o Madurodam…. vc ganha um cartão, q existem alguns totens onde vc aproxima esse cartão e ele conta uma pequena história do espaço que está…. é super divertido, legendado em inglês. A maneira que eles apresentam os textos, são bem engraçados…. (to citando isso pq não vi vc comentar sobre)…
Qd saí de Amsterdã rumo a Haia, estava um sol lindo (ok, fazendo 5 graus), mas em Haia estava uma neblina baixa terrível….
Tirei foto onde a rainha trabalha, mas nao fui na residência dela. Fiquei com preguiça, pq lá estava mais frio q em Amsterdã…
Passei por um parque ao lado do Madurodam, que pra tirar fotos de características de outono, foi sensacional…. Abs!

Responder

Daniel Duclos novembro 13, 2012 às 18:50

Fala Bernard!! Valeu pelo relato, com as atualizações de preços! Não conheço Canela, mas vou acreditar no seu depoimento, hehe.

Quando eu fui não tinha esse lance dos totens, deve ser novidade.

É, agora começa a época das neblinas… dá pra fazer fotos bem interessantes também. Eu fiz algumas em Haia. Ex: http://www.flickr.com/photos/ducs_amsterdam/5183319586/

valeu, grande abraço

Responder

Letícia Rezende outubro 24, 2012 às 17:18

Estou indo para Haia no dia 27 de Dezembro. NO site diz o horário de abertura “de Novembro a Dezembro) mas não fala se funciona durante todo o mês. Voê sabe se fica fechado de 1 de Dezembro a 1 de Janeiro?

Responder

Daniel Duclos outubro 24, 2012 às 22:02

Oi Leticia, de qual atração você está falando? (note que esse artigo é de um ano atrás, e desde sua publciação, duas das atrações, Madurodan e Mauritshuis, estão fechadas pra reforma até o ano que vem)

Responder

Cínthia outubro 14, 2012 às 16:08

Olá Daniel,
adorei suas dicas e informações, então lá vai uma dúvida que não consegui esclarecer, mesmo pq o periodo de estadia em Amsterdam seria de algumas horas (aprox. 6h) no dia 26 de dezembro 2012, entre 12h e 18h. Será que teriamos algum modo de fazer um tour pela cidade e parar em algum restaurante tipico retornando depois para o aeroporto?
grata e parabéns pelo seu

Responder

Daniel Duclos outubro 15, 2012 às 22:43

Oi Cínthia. Sempre tem como, mas você quer dizer um tour guiado ou por você mesmo?

Responder

Denise agosto 19, 2012 às 23:17

Oi Daniel,
parabéns pelo post são maravilhosos.Eu já estou lendo a algum tempo mas essa é primeira vez que comento. Adorei como você descreveu Haia, pois, tive um trabalho na faculdade sobre o tribunal de Haia, uma que tinha que pesquisar sobre tudo e cidade também e o Ducs me ajudou.
Abraços
Denise Almeida

Responder

Verônica agosto 3, 2012 às 16:51

Acabei de chegar de Amsterdã, adorei e dispersou um monte de exageros que ouvia sobre essa linda cidade, enfim adorei! Mas, pena não ter lido antes seus comentários sobre Haia, tereia me esforçado para da uma esticadinha até lá. Fica pra próxima, tomara!

Responder

Cristiane julho 8, 2012 às 16:21

Adorei o blog e suas dicas! Estou indo para Amsterdan e Haia esta no meu roteiro! Há alguma coisa sobre o filósofo Spinoza por aí? Obrigada desde já

Responder

Daniel Duclos julho 10, 2012 às 15:02

Oi Cristiane, não conheço nada em especial sobre o Spinoza. Se alguém tiver alguma dica, mande ai! Abs

Responder

Patricia junho 30, 2012 às 01:50

Oi Daniel,

Gostei muito do teu artigo, estou precisando de uma ajudinha. O meu namorado foi transferido para Haia, vai morar lá pelos proximos 4 anos. Estou no Brasil e vou visita-lo nas férias, porém preciso, daqui, escolher uma casa pra ele alugar (tenho que dar a minha aprovação) durante todo o tempo que ele vai morar lá. Voce pode me dar sugestões de bairros legais, com casas amplas?

Desde já agradeço!!

Um abraço.

Responder

Lika junho 5, 2012 às 07:25

Ola Daniel.

Estou indo a Holanda no fim de Julho por dias com meus filhos de 6 e 7 anos.
Queria trocar uma ideia com vc e perguntar se vc por acaso sabe se nessa idade eles ainda precisam de booster no carro.

Muito obrigada!

Responder

Daniel Duclos junho 22, 2012 às 11:26

Oi Lika, eu não saberia dizer, na verdade. Talvez algum outro leitor tenha uma dica?…

Responder

Gisalimm maio 12, 2012 às 04:07

Olá Daniel, gostei muito de suas informações sobre essa cidade muito importante para os paraibanos e para minha irmã que é Responsável pelo Museu e Cripta Epitácio Pessoa que foi além de deputado federal em duas oportunidades, ministro da Justiça, do Supremo Tribunal Federal, procurador-geral da República, senador três vezes, chefe da delegação brasileira junto à Conferência de Versalhes foi também, o primeiro Juiz brasileiro da Corte Internacional de Haia. Fiquei curiosa para conhecê-la.

Responder

erika abril 10, 2012 às 00:39

Olá Daniel!

vou p Amsterdam em outubro mas ja estou pesquisando tudo e adorei seu site.. super completo!
so fiquei c uma duvida: será q é possível visitar o Tribunal Penal Internacional em Haia? obrigada!
PS: estou aguardando seu post sobre DEFT pois pelo que vi, a cidade é super fofa e estou pensando em visitá-la.
Érika

Responder

Sidnei dos Santos fevereiro 29, 2012 às 21:40

ola Daniel! boa tarde, gostei muito de tudo que vi aqui, já morei na Inglaterra como estudante, hoje sou casado e tenho 2 lindos filhos e uma esposa maravilhosa, mas o desejo de morar na Europa toma conta do meu coração todos os instantes e fico sonhando. Só que o tempo passou e hj tenho 42 anos, sou pastor de uma igreja Batista no Rio, e fico matutando o futuro de meus filhos, gosto de lugares limpos com boa educação e fiquei maravilhado com Holanda! Quem sabe eu volto para Europa e levo a minha amada família junto! Ma, obrigado por me fazer sonhar novamente … isso é bom!
É um … sonho!

Responder

katia fevereiro 5, 2012 às 00:25

Estarei em Amsterdam em maio 2012, gostaria de saber o clima, estou louca parair em Haia, lembra que Rui Barbosa foi considerado a águia de haia, bom, se Deus quiser irei a Haia e a rua que vc sugeriu. Será que so um dia dá para ver tudo isso?
Um abraço,
Obrigada

Responder

Daniel Duclos fevereiro 5, 2012 às 10:32
lurdes janeiro 31, 2012 às 10:42

ola,de portugal. li suas orientaçoes sobre haia,gostei.penso la ir este abril. onde comer,temos d levar roupa para a neve? obrigada.

Responder

Jaqueline Rubino Garcia dezembro 5, 2011 às 22:07

Estava eu em Haia na semana passada sem conhecer nada nem ninguem quando tive a ideia de acessar do meu tablet o seu site que SALVOU a minha ida a “capital” holandesa :) AMEI a dica do Noordeinde!!! Achei sebos incriveis!!! Inclusive comprei um livro dos anos 20 sobre o Brasil (fotos de paisagens e pessoas de todos os estados do Brasil) que pertenceu a um ex-embaixador brasileiro que morou em Haia e pra mim isso foi uma reliquia!!!
OBRIGADA pelas dicas incriveis, bom gosto, sensibilidade, disponibilidade…
Abracos,

Responder

Daniel Duclos dezembro 23, 2011 às 03:04

OI jaqueline! hey, que legal saber disso! :D Eu que agradeço a companhia nessa viagem! A Noordeinde é demais, eu nunca canso de ir lá :) Abraços

Responder

Marceli dezembro 1, 2011 às 02:24

Vou estar em Amsterdam entre os dias 16 e 18 de dezembro, antes de seguir viagem de trem para Bruxelas e Antuérpia. Gostaria muito de conhecer Haia e as praias de Scheveningen (amei a praia nevada!!!). Vi como chegar em Haia, mas como faz pra ir pra Scheveningen e depois voltar pra Amsterdam? Li sobre passe de trem para o Benelux e pensei se serviria para esses trajetos também ou se os “trens internos” ficam de fora. Vi sobre pagar um extra para reservar lugar nos trens rápidos… Talvez fique mais barato comprar as passagens ponto a ponto. Basicamente, terei os trechos Amsterdam-Haia-Scheveningen-Amsterdam-Bruxelas-Antuerpia-Bruxelas. Fico meio perdida até para saber se vale a pena o I Amsterdam Card… Já li tanta coisa, que já me perdi completamente!! Pode dar ajudar com isso, dar o “bisu”???

Responder

Daniel Duclos dezembro 23, 2011 às 03:00

Oi Marceli

Scheveningen faz parte de Haia, basta pegar o tram que você chega lá. Você desembarca na Centraal e pega o tram 9 ou 1 e desce em Scheveningen. As pasagens de tram em haia pra Scheveningen são de transporte público municipal, não são trens (tram quer dizer “bonde” em holandês/inglês).

Responder

Paula Charité outubro 17, 2011 às 23:01

Olá Daniel, vc ja visitou a cidade de Rijswijk fica ao leste da Haia, não é um cidade igual a amsterdam mais é um cidadezinha linda.
Eu li que vc nao é fã de rodizio mais ja experimentou o rodizio churrasco brasileiro e Rodizio Den Haag, é ótimo e da para matar um pouquinho a saudade das nossas origens!

Responder

Daniel Duclos outubro 17, 2011 às 23:18

Oi Paula, brigado pelo comentário. Eu visitei Rijswijk no segundo dia em que cheguei na Holanda e desde entào muitas vezes. É muito simpática mesmo.

Eu já fui 3 vezes à Rodízio de Den Haag e posso dizer agora com propriedade que não gosto de lá. Fui mal atendido, achei caro, a música é muito alta e o “show” de mulatas rebolando em intervalos regulares é, na minha opinião, de mau gosto e não ajuda nada a passar uma imagem positiva do Brasil ou suas mulheres. Enfim, é minha opinião.

Um abraço

Responder

Elane menten setembro 6, 2011 às 23:32

Oi Daniel, adorei seu artigo sobre Haia.
Estou a 1 mes em amsterdam na casa de meu noivo holandes e já conheci bastante coisa, mas…sinceramente não sei se quero morar aqui…esse clima é muito louco, vim no verão justamente pq ele me disse que é um pouco mais quente, mas francamente…acho que sou pé frio mesmo, pois o tempo está horrivel, qse todos os dias chove! mas voltando a haia adorei conhecer Madurodam, fiquei encantada com as miniaturas, uma perfeição!!
A cidade tb é muito bonita, limpa e florida, como em qse toda holanda!

Responder

cristiana setembro 3, 2011 às 22:23

olá tudo bom por aí?

Conheces algum site com eventos em haia ou nos arredores? se estiveres a para de algum acontecimento na semana de 9 a 14 de setembro diz nos. Obrigada

Responder

Daniel Duclos setembro 3, 2011 às 22:36

O melhro site é o da própria prefeitura que indiquei nesse mesmo artigo. Dá uma olhada:

http://www.denhaag.nl/en/residents/to/Weekend-Events-in-The-Hague.htm

Abraços

Responder

Daniel Duclos setembro 3, 2011 às 22:36

O melhro site é o da própria prefeitura que indiquei nesse mesmo artigo. Dá uma olhada:

http://www.denhaag.nl/en/residents/to/Weekend-Events-in-The-Hague.htm

Abraços

Responder

cristiana setembro 1, 2011 às 00:53

Obrigada adorei o blog!

Cumprimentos e muitas felicidades

Responder

Daniela agosto 28, 2011 às 16:36

Adorei o artigo!

Fui em Haia algumas semanas atrás e me encantei pela cidade. O clima ajudou, porque fui num dia de sol, uhuuuu!

Conheci algumas das atrações que você postou aqui no artigo, como a Mauritshuis (se bem que não pude entrar porque fui numa segunda-feira), a Noordeinde e a praia Scheveningen (não gostei da cor da água do mar rsrs, mas amei a praia).

Vi outras coisas também, claro. Pena que não deu pra ir em Madurodam e me esqueci do Panorama Mesdag (vergonha). Da próxima vez que for a Haia, será pra visitar esses lugares.

Abraços Daniel!

p.s. Quando fui comprar minha passagem pra Den Haag eu falei DênRágui e a mulher do guichê entendeu kkkkkkkkkk. Mas vivo pagando mico por causa da língua.

Responder

joao holanda agosto 23, 2011 às 14:26

Chefe, boa tarde.
Acompanho atentamente os seus relatos sobre a Holanda e, por esse motivo, estive ai em junho e conheci Amsterda e Roterda.
Fui rever uns amigos holandeses que moram em Roterda, os quais conheci aqui no Brasil, em Fortaleza.
Passei com minha esposa poucos dias, e fiquei encantado com Amsterda.
Pretendo ir a Europa no proximo ano e estou pensando em conhecer Haia e um pouco mais de Amsterda.
Voce conhece alguem que faca city tour privado?
Muito obrigado por sua atencao.

Responder

Ali agosto 22, 2011 às 23:54

Muito legal o artigo e ele me lembrou de que eu preciso conhecer Scheveningen ainda nesse verão que me resta (apesar de que todo mundo insiste em dizer que já está mais pra outono).

Uma dica bacana (que você e a Carla nos deram, e eu assino embaixo) é o sorvete da Australian, que agora nem tem mais em Amsterdam, portanto, é uma boa coisa a se fazer por aí.

Responder

Daniel Duclos agosto 23, 2011 às 01:50

Oi Aline

Pois, a Australian cantou esse verão aqui em Haia, ao menos com os Ducs ;) Vale a pena dar um pulo lá sim!

Eu levei o R em Scheveningen em pleno inverno. Tava refrescante, mas recomendo mesmo no verão :)

Bjs

Responder

Fabrício Carraro agosto 22, 2011 às 18:51

Bem legal as dicas, Daniel.

Só tenho uma pergunta pra você (e pra Carla). Agora que já passou um bom tempo, você(s) gostaram da troca de Amsterdam por Haia, ou ainda preferiam ter continuado em Ams? Qual é mais agradável nesse sentido (seja por facilidades de transporte, shoppings, ou o que for importante pra vocês)?

Abração!

Responder

Daniel Duclos agosto 22, 2011 às 23:28

Fala Fabrício… Haia é muito legal e sempre terá um lugar no meu coração — foi aqui que nasceu minha filha! Além disso, é uma experiência muito legal morar em uma outra cidade, dá uma noção melhor de Holanda, isso de morar em duas cidades diferentes aqui. Muita gente mora o tempo todo em uma única cidade aqui, e acho que ter variado enriqueceu minha experiência.

Mas no fim acho que prefiro, pra morar, Amsterdam mesmo…

Responder

Rodrigo Lopes agosto 22, 2011 às 13:31

E se bater saudade de uma picanha, tem o restaurante Rodizio :-)

Responder

Daniel Duclos agosto 22, 2011 às 14:54

É verdade rodrigo, mas sabe que eu tenho uma certa birra da Rodízio? Na verdade eu não curto muito lá não… mas é sempre bom saber que tem ;)

Abraço

Responder

{ 7 trackbacks }

Previous post:

Next post: